PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Mãe de surfista atacado por tubarão faz vaquinha virtual por tratamento

Ryan Boarman tem 24 anos - Reprodução/Facebook
Ryan Boarman tem 24 anos Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL, em São Paulo

28/04/2016 14h45

O surfista americano Ryan Boarman, 24 anos, foi mordido por um tubarão em Bali, na Indonésia, na última segunda-feira. Com ferimentos no braço e após perder muito sangue, ele foi levado para o hospital e deu entrada na UTI. Agora, sua mãe usou a internet para iniciar uma campanha para ajudar no tratamento dele.

Segundo o apelo de sua mãe, a intenção é fazer o depósito de US$ 22 mil (R$ 77 mil) para transferi-lo para Singapura para seu tratamento. Por isso, ela iniciou a campanha enquanto o pai do americano está a caminho do país.

“A coisa mais importante é fazer com que tratem Ryan o mais rápido possível”, diz o pedido da mãe.

Ela revela que já cogitou levá-lo de volta para a Califórnia, mas o surfista não tem força suficiente para aguentar o voo.

Com o dinheiro arrecado com a vaquinha virtual, sua família irá leva-lo para Singapura e pagar todo o tratamento dele no local não cobertas pelo seguro. O que restar do dinheiro será doado para instituições de Bali.

De acordo com o relato, a mordida do tubarão chegou a rasgar o músculo de Ryan e chegou perto do osso. Mesmo com a perda de sangue, ele conseguiu pegar uma onda e sair do mar.

Ao chegar no hospital, Ryan passou por uma cirurgia de emergência que conseguiu salvar o braço do surfista.

Esporte