PUBLICIDADE
Topo

Luisa Stefani: Medalha representa o tênis feminino, a gente não vai desistir

Do UOL, em São Paulo

02/08/2021 13h02

Responsáveis pela primeira medalha do tênis brasileiro em Jogos Olímpicos, com o bronze nas duplas femininas em Tóquio, as tenistas Laura Pigossi e Luisa Stefani falaram em entrevista a Domitila Becker, no UOL News Olimpíadas, sobre o desejo de que o resultado tenha um legado na modalidade, em especial no feminino, que tem exposição menor e menos praticantes.

Stefani afirma que é um trabalho de longo prazo, mas espera que aconteça uma procura maior pelo tênis por parte das meninas e o esporte possa se desenvolver melhor no país para que tenha mais representantes no futuro.

"Essa medalha representa o tênis feminino, que a gente não vai desistir, a gente tem muito mais caminho pela frente para onde a gente quer chegar e isso me motiva muito, poder dar o exemplo para as meninas Estava um pouco carente e acho que ainda esse é um grande passo por causa disso também na minha opinião, a gente poder mostrar que é possível, que as meninas têm que acreditar que a gente consegue ter mais meninas jogando tênis", afirma Luisa.

"Espero que a gente consiga inspirar ainda mais e nos próximos anos, não é que vai acontecer de uma hora para outra, mas com certeza espero que isso seja o caminho certo daqui alguns anos e a gente vá ter mais meninas representando o nosso tênis feminino", completa.

Já Pigossi conta que ainda não caiu a ficha sobre o resultado que ela e a parceira conseguiram nos Jogos Olímpicos de Tóquio, onde entraram de última hora e formavam uma das duplas de soma mais alta de ranking entre as participantes.

"Para ser bem sincera, ainda não [caiu a ficha], mas só o fato de ter ela aqui perto do meu peito já me deixa mais completa me faz transbordar de orgulho. Subir naquele pódio foi algo que eu chorei, eu não consigo ter palavras ainda para expressar o que eu estava sentindo e ainda poder compartilhar esse momento com uma das minhas melhores amigas, eu acho que foi algo incrível", conclui.