UOL Olimpíadas
BUSCA




RECEBA O BOLETIM
UOL ESPORTE
 

 
15/08/2004 - 04h11
Excesso de peso, e não nacionalismo, tira iraniano dos Jogos

Das agências internacionais
Em Atenas (Grécia)

Bicampeão mundial dos meio-leves (até 66 kg), o judoca iraniano Arash Miresmaeili havia deixado a organização em alerta desde quinta-feira, quando ameaçou não lutar contra o israelense Ehud Vaks. A confirmação veio neste domingo, dia do combate. Mas não por convicções nacionalistas. Miresmaeili está acima do peso.

As gordurinhas a mais fizeram o porta-bandeira do Irã na cerimônia de abertura protagonizar o maior vexame de Atenas-04 até aqui. Na pesagem oficial, ele ultrapassou os 66 kg, e foi automaticamente eliminado da competição. Não foi divulgado o peso do atleta, quinto em Sydney-00 e favorito ao ouro na Grécia.

Antes de constatado o peso extra, Miresmaeili usava o nacionalismo como justificativa para não entrar no tatame. Israel, país de seu primeiro rival, não é reconhecido como Estado pelo Irã desde 1979, ano da Revolução Islâmica.

A delegação do Irã ainda não se pronunciou oficialmente. Os israelenses também não. No sábado, Yaron Michaeli, porta-voz de Israel, criticou a posição do bicampeão mundial. "Nós viemos para Atenas competir no esporte, e não na política. A nacionalidade dos adversários dos nossos atletas não nos importa", comentou.

Veja também



22/11/2004
10h36 - WADA tem orçamento acrescido em US$ 1,47 milhão

19/11/2004
20h13 - Brasileiro fica em 25º no Mundial de luge e soma ponto para Turim

18/11/2004
13h22 - Polícia faz diligência em empresa responsável por Turim-2006

12/11/2004
19h31 - COB anuncia indicados ao Melhor Atleta do Ano

10h20 - Jogos de Atenas custaram mais de 9 bilhões de euros à Grécia

05/11/2004
08h59 - Chineses adotam data "da sorte" para abertura dos Jogos de 2008

04/11/2004
14h38 - Presidente de comitê dos Jogos de Turim vai pedir demissão

13h51 - Putin recebe no Kremlin 182 medalhistas russos em Atenas 2004

09h06 - Barcelona ajudará candidatura de Madri às Olimpíadas de 2012

02/11/2004
10h09 - Governo dará a Paris 2,5 bilhões de euros para campanha olímpica

Mais notícias