PUBLICIDADE
Topo

Ciclista paralímpico desacelera para incentivar atleta em outra prova

Ciclista paralímpico desacelera para incentivar atleta em outra prova - Reprodução/Comitê Paralímpico Internacional
Ciclista paralímpico desacelera para incentivar atleta em outra prova Imagem: Reprodução/Comitê Paralímpico Internacional

Do UOL, em São Paulo

03/09/2021 15h56

Apesar de ter ficado fora do pódio no ciclismo T1-2, o paraciclista Stuart Jones chamou a atenção quando desacelerou durante a própria prova para incentivar outra atleta. A cena aconteceu quando Jones cruzou com Toni Mould, que competia na prova de ciclismo T1, e incentivou a atleta a continuar pedalando.

"Eu não iria chegar ao pódio. Quando a vi, achei que valeria falar com ela. Disse 'continue, você está indo bem. Falta apenas mais uma volta'. As paralimpíadas são sobre momentos como esse", escreveu Jones pelo Instagram. Os dois atravessam um trecho de subida das provas, sob muita chuva, quando protagonizaram a cena.

Aos 52 anos, o ciclista viveu em Tóquio sua primeira experiência em Paralimpíadas, e afirma que, mesmo tendo saído sem medalha, se vê como um campeão. "Fui privilegiado ao ver toda a determinação dela durante a prova. Apesar de também não ter chegado ao pódio, acredito que nós dois somos campeões", completou Jones.

A atitude do atleta foi celebrada por outros competidores e pela chefe do Comitê Paralímpico da Austrália, do qual Jones faz parte. "Não se limite a buscar apenas o ouro. Se você puder, vá lá e mostre o espírito esportivo do qual todos nós nos orgulhamos. Foi um belo momento", escreveu Kurt Fearnley, chefe do Comitê australiano.