PUBLICIDADE
Topo

Vaquinha para Darlan Romani competir em Paris-2024 já arrecadou R$ 212 mil

local de treinamento de Darlan Romani durante a pandemia - Reprodução/Instagram
local de treinamento de Darlan Romani durante a pandemia Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

08/08/2021 19h41

Uma vaquinha online aberta com a finalidade de ajudar o arremessador de peso Darlan Romani arrecadou até este domingo R$ 212 mil e ultrapassou em 41% a meta de R$ 150 mil. Segundo o site Voaa, que organiza a arrecadação, a intenção é ajudar o atleta, quarto colocado em Tóquio, a ir para as Olimpíadas de Paris, em 2024.

"Nós da Voaa, junto com todos vocês, queremos ser os primeiros apoiadores desse super-atleta que tem tudo para voar em Paris. A vaquinha é para ele ter todo suporte financeiro nesse novo ciclo! Para vocês entenderem melhor, o valor servirá de "caixa", como fundo de segurança mesmo, para o futuro do Darlan pós-Olimpíadas, que de como todo atleta, é incerto e cheio de imprevistos, como aconteceu com ele e milhares de outros atletas que foram prejudicados pela pandemia", informa o site aos doadores. A arrecação foi aberta há três dias e ficará disponível por mais nove.

Após a conquista do quarto lugar em Tóquio, imagens de Darlan treinando em um terreno baldio viralizaram na internet. Em meio à pandemia do coronavírus, Darlan, que é atleta do Pinheiros, teve que improvisar o treinamento específico do arremesso de peso depois que o local em que ele frequenta, em Bragança Paulista, no interior de São Paulo, foi fechado por conta das restrições sanitárias, em março de 2020.

Após a repercussão das imagens, o atleta explicou que ele escolheu o terreno baldio por opção própria. "Poderia ter ido para um parque pra conseguir uma situação mais bonita, melhor pra treinar? Poderia, mas ali teria mais gente e onde eu treinei eu tinha certeza que teria só eu e meu treinador e a minha companheira de treino. Não tinha contato com ela, não tinha contato com ele, eu improvisei uma academia em casa, peguei o material emprestado no centro (de treinamento) e esse foi o palco que a gente teve, foi o que a gente conseguiu fazer pra continuar batalhando em busca do nosso sonho", disse o atleta para CNN.

Errata: o texto foi atualizado
Ao contrário do que foi publicado, Darlan Romani compete no arremesso de peso, e não no levantamento de peso. O erro foi corrigido.