PUBLICIDADE
Topo

Seleção vê Matheus Cunha "evoluindo" e espera recuperação para final

Atacante viu jogo contra o México do estádio e comemorou com os outros jogadores da seleção - Lucas Figueiredo/CBF
Atacante viu jogo contra o México do estádio e comemorou com os outros jogadores da seleção Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Do UOL, em São Paulo

04/08/2021 11h15

Desfalque da seleção brasileira no jogo contra o México que rendeu classificação para a final do futebol masculino nas Olimpíadas de Tóquio, o atacante Matheus Cunha faz tratamento intensivo para voltar a tempo do jogo de sábado (7), às 8h30, contra a Espanha, no Estádio Internacional de Yokohama. Vale a medalha de ouro.

"Matheus Cunha segue em tratamento, mas está evoluindo. É dúvida para o próximo jogo", informou o departamento de comunicação da CBF, que prometeu enviar atualizações diárias sobre a situação do camisa 9.

Titular da seleção olímpica em todo o ciclo até Tóquio-2020, Matheus Cunha foi substituído aos oito minutos do segundo tempo do jogo das quartas de final, contra o Egito — que ele decidiu com um gol na etapa inicial. Exames apontaram uma contratura muscular na coxa esquerda e desde então ele faz tratamento. André Jardine fez mistério sobre a possibilidade de escalação contra o México, mas foi descartada e Paulinho começou como titular.

É a única dúvida da seleção para a final, já que a base do time é a mesma desde o começo do torneio e não há ninguém suspenso. Outras opções além de Paulinho são Reinier, Malcom e Gabriel Martinelli.

O volante Bruno Guimarães espera ter o companheiro em campo: "Torcemos muito pela recuperação do Cunha, é o artilheiro do ciclo e nos ajuda muito. Fica a minha torcida pela recuperação para ele realizar o sonho dele de estar nessa final."