PUBLICIDADE
Topo

A mais rápida! Ouro nos 100m, Elaine Thompson também leva título nos 200m

Elaine Thompson-Herah, da Jamaica, aponta para o relógio na final dos 100m rasos nas Olimpíadas de Tóquio - Matthias Hangst/Getty Images
Elaine Thompson-Herah, da Jamaica, aponta para o relógio na final dos 100m rasos nas Olimpíadas de Tóquio Imagem: Matthias Hangst/Getty Images

Beatriz Cesarini

Do UOL, em Tóquio

03/08/2021 09h56

Na final disputada nesta terça-feira (3), Elaine Thompson-Herah conquistou a medalha de ouro nos 200m com o tempo de 21s53 nas Olimpíadas. A jamaicana, que já havia vencido a prova na Rio-2016, garantiu o bicampeonato e se manteve no posto de mulher mais rápida do mundo.

Esse é o segundo ouro de Elaine nos Jogos Olímpicos de Tóquio. A atleta venceu os 100m e bateu o recorde olímpico da prova. Além disso, com o tempo desta disputa, Thompson-Herah bateu o recorde jamaicano.

A prova foi disputada, com os primeiros metros muito acirrados entre Elaine Thompson e a compatriota Shelly-Ann Fraser-Pryce. Mas na reta final a Elaine deslanchou e ganhou com sobras.

A mulher mais rápida do mundo ainda viu Christine Mboma (21s81), da Namíbia, fechar a prova muito forte para garantir a medalha de prata e bater seu próprio recorde mundial sub-20, alcançado nas semifinais. A americana Gabrielle Thomas (21s78) ficou com o bronze, e Fraser-Pryce ficou apenas com a quarta colocação.

Polonesa é tri no arremesso de martelo

Na final feminina do arremesso de martelo, a polonesa Anita Wlodarczyk ficou com a medalha de ouro com a marca de 78,48m. A chinesa Zheng Wang ficou com a prata, com 77,03m, e o pódio foi completado por Malwina Kopron, outra atleta da Polônia, que marcou 75,49m para garantir o bronze.

Esse foi o terceiro título olímpico de Anita, que também venceu em Londres-2012 e na Rio-2016. A polonesa também é tetracampeã mundial da prova. Grande atleta da modalidade, desde Pequim-2008, quando ficou no sexto lugar aos 23 anos, Wlodarczyk só não medalhou em uma grande prova: o Mundial de Daegu, em 2011.

Americana fatura ouro nos 800m

Enquanto Thiago Braz saltava para garantir a medalha de bronze, outra prova acontecia na pista: os 800m rasos. A final feminina terminou com medalha de ouro para os Estados Unidos. A corredora Athing Mu marcou 1min55s21 para ser campeã olímpica, com a britânica Keely Hodgkinson logo atrás com 1min55s88. Raevyn Rogers, também dos EUA, completou o pódio com 1min56s81.