PUBLICIDADE
Topo

Boxe: Keno Marley avança às quartas com nocaute técnico em cima de chinês

Adriano Wilkson

Do UOL, em Tóquio

28/07/2021 02h38

Keno Marley entrou no ringue nesta quarta-feira (28), no Ryogoku Kokugikan, e garantiu vaga nas quartas de finais do peso meio-pesado do boxe das Olimpíadas. Contra o chinês Caxiang Chen, o baiano precisou de apenas um assalto para encaixar uma direita poderosa que já desestabilizou o adversário. No início do segundo round, a vitória brasileira se confirmou com um nocaute técnico.

O primeiro round começou acelerado, com os dois lutadores achando alguns golpes e o brasileiro mostrando agilidade para conseguir esquivas importantes. Já com mais iniciativa, Keno encaixou no fim do assalto uma direita que pegou bem e desestabilizou o combatente, que se desequilibrou, mas seguiu na luta.

O brasileiro foi muito bem no primeiro assalto e começou a luta vencendo de acordo com as notas dos juízes, que deram para o primeiro round uma vitória de 10/9 para o brasileiro.

Abrindo o segundo round, Keno continuou buscando ser mais ofensivo, com um jogo de pés rápido que o ajudou a escapar de golpes do chinês. O brasileiro conseguiu encaixar mais alguns golpes, mas nem precisou de muito neste assalto, já que um choque de cabeça entre os dois abriu um corte no suprecílio de Chen, que não conseguiu seguir na luta. Assim, Keno venceu por nocaute técnico.

Preparado para o combate, Keno afirmou que ele e a equipe técnica brasileira estudaram bem o adversário e, mesmo se a vitória por nocaute técnico não fosse assinalada, ele estava pronto até para uma possível mudança de estratégias do adversário, caso os outros rounds acontecessem.

"O knockdown foi proveniente do trabalho que fizemos. Eu estava preparado pros três rounds. Trabalhei aquela mão que consegui conectar", contou ele após a vitória.

Agora, o baiano está a uma vitória de garantir, no mínimo, uma medalha de bronze. Na próxima sexta-feira, Keno enfrenta o britânico Benjamin Whittaker, duelo pelas quartas de final dos Jogos Olímpicos.