PUBLICIDADE
Topo

Calderano agradece torcida nas Olimpíadas após eliminação no tênis de mesa

Partida de tênis de mesa entre o alemão Dimitrij Ovtcharov e Hugo Calderano do Brasil - Antonin Thuillier/Reuters
Partida de tênis de mesa entre o alemão Dimitrij Ovtcharov e Hugo Calderano do Brasil Imagem: Antonin Thuillier/Reuters

Do UOL, em São Paulo

28/07/2021 19h21

O mesatenista Hugo Calderano conseguiu um feito histórico para a modalidade nas Olimpíadas de Tóquio. Apesar da eliminação para o alemão Dimitrij Ovtcharov nas quartas de final, ele se tornou o atleta a ir mais longe na história do Tênis de Mesa do Brasil, e agradeceu o apoio nas redes sociais.

"Hoje não deu. Obrigado por jogarem junto comigo e continuarem acreditando. Muito orgulho por levar o tênis de mesa do Brasil às quartas de final de uma Olimpíada. Vamos por mais!", escreveu.

Depois de abrir 2 a 0, o brasileiro perdeu por 4 a 2, de virada, e deixou a disputa. O jogador de tênis de mesa ainda vai disputar o torneio por equipes, ao lado de Gustavo Tsuboi e Vitor Ishiy, no próximo domingo.

Ao sair de quadra, Calderano foi às lágrimas. "É muita dor perder um jogo assim em uma Olimpíada, mas faz parte do esporte também. São quartas de final de uma Olimpíada, e sempre que se perde um jogo assim é doloroso. E não tem como ser diferente. Tem de aprender essa dor para voltar cada vez mais forte", declarou.