PUBLICIDADE
Topo

Medina leva virada de japonês na semifinal e vai disputar o bronze no surfe

Gabriel Medina perdeu na semifinal do surfe masculino nas Olimpíadas de Tóquio - REUTERS/Lisi Niesner
Gabriel Medina perdeu na semifinal do surfe masculino nas Olimpíadas de Tóquio Imagem: REUTERS/Lisi Niesner

Adriano Wilkson

Do UOL, em Ichinomiya (Japão)

27/07/2021 00h20Atualizada em 27/07/2021 04h40

E o Brasil não terá dobradinha na final do surfe. Favorito ao ouro, o bicampeão Gabriel Medina acabou sendo surpreendido e disputará a medalha de bronze do surfe masculino nas Olimpíadas de Tóquio. Nos primeiros minutos desta terça-feira (27), o brasileiro perdeu, de virada, a bateria na semifinal contra o japonês Kanoa Igarashi na praia de Tsurigasaki, em Ichinomiya.

Medina vencia até cerca de sete minutos para o fim da bateria, se mostrava bastante seguro, mas levou a virada. Kanoa fechou com 17,00 no somatório (9,33 e 7,67), contra 16,76 do brasileiro (8,43 e 8,33). Nas redes sociais, inclusive, muitos questionam a última nota dada pelos juízes ao anfitrião.

O adversário de Kanoa na decisão será o brasileiro Ítalo Ferreira, que na outra semifinal derrotou o australiano Owen Wright.

Como foi

Medina abriu a bateria com um aéreo logo nos primeiros segundos da disputa e recebeu nota 8,33. Kanoa respondeu com um 7,67, mas Medina veio logo atrás e ganhou 7,10.

Com mais um aéreo, Medina recebeu 8,43 para fazer a melhor nota da bateria até ali, deixando o japonês precisando de uma nota acima de 9 para virar.

O ritmo diminuiu com a falta de onda, e Medina manteve a vantagem com cerca de 10 minutos para a fim. Porém, pouco depois, Kanoa deu aéreo que rendeu nota 9,33 e assumiu a ponta. Medina precisava de 8,58 para retomar a liderança, mas encontrou dificuldades para encontrar uma boa onda e acabou derrotado.

Não quis falar, mas foi ao Instagram

Após saber do resultado final da prova, o brasileiro de 27 anos, primeiro colocado no ranking da WSL (World Surf League) e bicampeão mundial, evitou os repórteres na zona mista e não quis dar entrevista para comentar o revés. Contudo, por meio da conta pessoal no Instagram, ele pediu desculpas por não ter avançado:

"Dei meu melhor, é foda quando isso acontece, dá uma tristeza, desculpa galera. Valeu pela torcida! Seguimos! Fe em Deus".