PUBLICIDADE
Topo

Corintiana, Rayssa já quis jogar futebol e ser veterinária

Felipe Pereira

Do UOL, em Tóquio

26/07/2021 04h29

Além da paixão pelo skate, Rayssa Leal, que conquistou medalha de prata no skate street nas Olimpíadas de Tóquio, tem amor por outro esporte: o futebol. A Fadinha revelou que, antes mesmo de começar a andar nas pistas, tinha o sonho de ser jogadora de futebol e veterinária.

"Eu gosto muito de futebol, bem antes de eu querer ser veterinária e skatista, eu queria ser jogadora de futebol. Mas não deu certo. Ser skatista agora é muito bom para mim", falou Rayssa após garantir a medalha na madrugada desta segunda-feira (26).

Questionada sobre seu clube do coração no futebol, a skatista brasileira não titubeou: fez questão de frisar que torce pelo Corinthians.

"Já deixando claro, eu sou corintiana, tá bom? Melhor time do Brasil. Podem falar, é o melhor mesmo", brincou ela, acrescentando que "fica muito feliz" em ter torcedores de todos os times celebrando sua conquista.

Aos 13 anos, Rayssa carrega o amor pelo Corinthians que veio de seu pai, Haroldo Leal.