PUBLICIDADE
Topo

Galvão mostra narração de bronze olímpico que interrompeu futebol; veja

Galvão Bueno, narrador do Grupo Globo - Reprodução/SporTV
Galvão Bueno, narrador do Grupo Globo Imagem: Reprodução/SporTV

Colaboração para o UOL, em São Paulo

25/07/2021 13h50

A transmissão de Brasil 0 x 0 Costa do Marfim, hoje, pela segunda rodada do torneio masculino de futebol dos Jogos Olímpicos de Tóquio, na TV Globo, foi interrompida por alguns minutos para a exibição da disputa pelo bronze do judoca brasileiro Daniel Cargnin - que conseguiu a medalha. Galvão Bueno, que narrava o jogo, trocou de esporte e mostrou, em suas redes sociais, como foi este momento.

O narrador da TV Globo publicou um vídeo em que aparece com dois monitores lado a lado - um mostrando a luta e outro mostrando o jogo. Concentrado na luta, Galvão demonstrou conhecimento ao narrar com precisão os golpes do judoca brasileiro.

"É bronze! Medalha de bronze para o Brasil! Daniel Cargnin! No templo do judô!", escreveu Galvão na legenda do vídeo.

Trajetória de Cargnin até o bronze

Na categoria até 66kg, Daniel Cargnin, de 23 anos, superou Mohamed Abdelaal, do Egito, na primeira luta, Daniel Vieru, da Moldávia, nas oitavas de final, e o italiano Manuel Lombardo - número 1 do mundo - nas quartas de final.

Na semifinal, contra o japonês Hifumi Abe, a 1min35s do fim da luta, o brasileiro sofreu um Ippon e saiu da disputa pelo ouro - que ficou entre o dono da casa e o georgiano Vazha Margvelashvili.

Na briga pelo bronze, Daniel Cargnin encarou o israelense Baruch Shmailov, que se classificou na repescagem, e venceu por um Waza-ari.