PUBLICIDADE
Topo

Favorito a medalhas, Nory falha em dois aparelhos e está fora de Tóquio

Demétrio Vecchioli

Do UOL, em Tóquio

24/07/2021 04h51Atualizada em 24/07/2021 05h05

Campeão mundial da barra fixa em 2019 e medalhista olímpico do solo na Rio-2016 o brasileiro Arthur Nory falhou na apresentação dos dois únicos aparelhos em que tentava buscar uma final nas Olimpíadas de Tóquio, na qualificação da ginástica artística masculina disputada neste sábado. Nory fez uma apresentação com muitas falhas na barra fixa e, no solo, caiu sentado ao fim da última passada. Para um dos favoritos da ginástica do Brasil à medalha, a competição olímpica já acabou.

Outro medalhista olímpico da equipe, Arthur Zanetti passou bem pela qualificatória nas argolas e não deve correr riscos para chegar à final. Caio Souza (salto e individual geral) e Diogo Soares (individual geral) têm chances de fazer finais individuais. Na disputa por equipes, o Brasil não deve avançar à decisão. Faltando uma subdivisão, está na 7ª posição.

A confirmação se o Brasil participará ou não da final por equipes acontecerá ainda na manhã de hoje, após as quatro seleções (EUA, Alemanha, Coreia e Taipé) se apresentarem na subdivisão 3. O dia foi muito aquém do esperado e o Brasil ficou longe de Rússia, China e Japão, potências que já realizaram a atividade.

O Brasil se apresentou na subdivisão 2 da qualificação, junto do Japão. A equipe brasileira somou a nota de 247.263 e está na sétima colocação - EUA e Coreia do Sul devem passar o Brasil durante a subdivisão 3, a última. As apresentações ruins de Nory foram determinantes e levaram para baixo a nota da equipe.

A atividade ficou marcada também pela queda de Kohei Uchimura, grande estrela do esporte japonês e esperança de medalha para os donos da casa.