PUBLICIDADE
Topo

Jardine brinca com 'chance' de Dani Alves em Tóquio: 'Universo quis assim'

Jogador do São Paulo está entre os 18 convocados para a disputa em Tóquio - Divulgação/SPFC
Jogador do São Paulo está entre os 18 convocados para a disputa em Tóquio Imagem: Divulgação/SPFC

Do UOL, em São Paulo

17/06/2021 12h54

O técnico André Jardine, da seleção brasileira olímpica, revelou que a lesão no joelho de Daniel Alves, constatada no mês passado, acabou o colocando nos Jogos de Tóquio, já que o jogador não está atuando pelo país na Copa América em função do problema.

Após divulgar a lista dos 18 relacionados para o evento, que começa no mês que vem, o treinador brincou com a situação, já que o lateral estará presente pela 1ª vez em uma Olimpíada. O São Paulo já entrou em acordo com atleta e CBF para liberá-lo.

"É um jogador que era para estar na Copa América e a lesão acabou o tirando. E a partir do momento que isso aconteceu, a gente ficou de olho porque procurávamos em jogadores acima da idade, jogadores com característica dele: histórico de seleção, vencedor e com perfil de liderança", iniciou.

"Ele vai agregar demais para os jovens. O universo quis assim, o tirou da Copa América, mas o colocou numa Olimpíada que ele não tem", prosseguiu Jardine.

Por fim, ele revelou detalhes de uma conversa que teve com o jogador do São Paulo na manhã de hoje.

"Até brinquei com ele hoje: 'estudei seu currículo e vi que tu ainda não tem uma Olimpíada, vamos completar esse currículo!'. Ele deu risada e demonstrou que era um sonho que ele tinha", finalizou Jardine.