PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ciclista vence etapa, mas deixa Giro D'Itália por acidente com champagne

Biniam Girmay sofreu um acidente ao comemorar a vitória no Giro D"Itália - Reprodução
Biniam Girmay sofreu um acidente ao comemorar a vitória no Giro D'Itália Imagem: Reprodução

De Roma, Itália

18/05/2022 09h11

O ciclista eritreu Biniam Girmay, vencedor da 10ª etapa do Giro d'Italia, foi forçado a abandonar a competição por ter machucado seu olho esquerdo com uma rolha ao abrir um champanhe no pódio.

O atleta de 22 anos de idade cumpriu os 196 quilômetros entre as cidades de Pescara e Jesi, na Itália, em 4h32m07s, superando o holandês Mathieu van der Poel. No entanto, a celebração do inédito triunfo acabou de uma forma inusitada e dolorosa para Girmay.

Após ser atingido em cheio pela rolha da garrafa, o eritreu comemorou a vitória com o olho esquerdo fechado e foi levado ao hospital para realizar exames adicionais. O médico da equipe Intermarché-Wanty-Gobert Matériaux, Piet Daneels, informou que Girmay teve uma "hemorragia na câmara anterior do olho", mas a lesão está "evoluindo de forma positiva".

"A nossa prioridade neste momento é completar a recuperação da lesão e foi por causa disso que decidimos, junto com o ciclista e os diretores da equipe, que Girmay não estaria apto para competir", concluiu o profissional em um comunicado.

Apesar de a lesão ter encerrado de forma precoce a campanha do ciclista africano, Girmay agradeceu toda a ajuda que recebeu da equipe. Ele mencionou estar "um pouco triste" com o abandono, mas também feliz por não ter tido graves consequências no acidente.

"Obrigado à minha equipa, a todo o staff pelo apoio que me deram antes e depois da incrível etapa", disse o eritreu em uma pequena mensagem de vídeo na página do Twitter da Intermarché-Wanty-Gobert Matériaux.

Esporte