PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Nadadora mais vitoriosa em Londres-2012, Missy Franklin se aposenta

Missy Franklin comemora o ouro e o recorde mundial nos 200 m costas em Londres - REUTERS/Jorge Silva
Missy Franklin comemora o ouro e o recorde mundial nos 200 m costas em Londres Imagem: REUTERS/Jorge Silva

Do UOL, em São Paulo (SP)

19/12/2018 16h16

A nadadora Melissa 'Missy' Franklin anunciou, na tarde desta quarta-feira (19), a sua aposentadoria das piscinas. A atleta sofre de dores crônicas no ombro, que impossibilitaram a constante evolução da atleta e a fizeram desistir do esporte. 

"Enquanto eu me preparava para as Olimpíadas do Rio, em 2016, eu falava abertamente sobre os problemas que eu enfrentei, que incluíam as dores no ombro, toda vez que eu tentava treinar ou competir, a depressão, a ansiedade e a insônia", revelou a ex-atleta de 23 anos em carta escrita à espnW, portal da ESPN, com foco no público feminino. 

Missy Franklin surpreendeu o mundo nas Olimpíadas de Londres, em 2012, quando conquistou cinco medalhas com apenas 17 anos. Todos acreditavam que ela poderia ser uma grande revelação da natação americana.

Porém, nas Olimpíadas do Rio, em 2016, não se classificou para nenhuma final e saiu do Brasil com apenas com um ouro, proveniente de uma participação das fases preliminares do revezamento 4 x 200 livre com a equipe americana. 

Desde então, Missy conviveu com diversas dores no ombro e não se destacou em mais nenhum mundial de natação. Dessa forma, escreveu em sua carta que finalmente 'está pronta' para dizer que está deixando o esporte e não irá conviver mais com as dores.

"Levei muito tempo para dizer as palavras: 'estou me aposentando'. Um longo, longo tempo. Mas agora eu estou pronta". 

"Estou pronta para não sentir dor todos os dias. Estou pronta para me tornar uma esposa e, um dia, uma mãe. Estou pronta para continuar crescendo a cada dia para ser a melhor pessoa e modelo que eu posso ser. Estou pronta para o resto da minha vida", concluiu Missy. 
 

"Provavelmente foi a carta mais difícil que eu já tive que escrever. Tenho muitas palavras para dizer e eu agradeço a todos vocês por me deixarem compartilha-la com vocês e continuarem me apoiando. Hoje, eu anuncio minha aposentadoria da natação competitiva".

Esporte