PUBLICIDADE
Topo

Esporte

"Refleti bastante, mas senti falta das piscinas", revela Cielo após volta

Cesar Cielo, após conseguir índice olímpico para os 50 m livre - Satiro Sodré/SSPress
Cesar Cielo, após conseguir índice olímpico para os 50 m livre Imagem: Satiro Sodré/SSPress

Do UOL, em São Paulo (SP)

18/03/2017 22h43

Quando não se classificou aos Jogos Olímpicos Rio-2016, César Cielo não revelou se continuaria nadando. Entretanto, após o retorno às piscinas depois de 11 meses, o campeão olímpico dos 50m livres em Pequim (2008) não esconde: sentiu falta do dia a dia do nadador.

"Descansei bastante. Refleti bastante sobre muitas coisas, pensei em muitas coisas. Mas no fim das contas eu senti falta da piscina, senti falta da rotina. Senti falta de ter os amigos da equipe, de treinar todo dia, de passar uma superação com eles", revelou o nadador em entrevista à TV Globo.

César Cielo disputou uma competição em seu clube, o Pinheiros, e fez o melhor tempo do dia. O nadador afirmou que entrou na disputa para “quebrar o gelo”, e espera melhorar o tempo de 22.44 para os próximos eventos.

"Não (estou) muito satisfeito não, não vou mentir. Queria nadar um pouquinho mais rápido. Mas dentro da periodização que a gente tá passando de treinamento, tá dentro do que a gente estava esperando", disse Cielo.

"Vamos ver se para a próxima competição a gente consegue tirar um pouquinho menos. Dá para melhorar e chegar bem no Maria Lenk", admitiu Cielo, que completa: "É bom (estar de volta), é muito bom. Eu tô curtindo o dia a dia aqui no Pinheiros", finalizou. 

Esporte