PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

"Do Bronx" prega respeito a Khabib e evita provocações em caso de título

Buda Mendes/Getty Images
Imagem: Buda Mendes/Getty Images

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

12/05/2021 04h00

O nome de Khabib Nurmagomedov segue rondando a categoria dos leves do UFC. A poucos dias de lutar pelo cinturão contra Michael Chandler, o brasileiro Charles "do Bronx" Oliveira afirmou que não entrará em provocações para forçar o russo a deixar a aposentadoria.

Nurmagomedov se aposentou do MMA depois que seu pai, Abdulmanap Nurmagomedov, morreu por complicações causadas pela covid-19. Sua última luta foi a vitória contra Justin Gaethje, em outubro do ano passado. Desde então, Dana White fez diversas tentativas, mas o russo sempre recusou um retorno.

"Muita gente fica pedindo para eu fazer camiseta, para provocar, falar. Eu tenho todo o respeito do mundo pelo Khabib. Com certeza eu gostaria de lutar com ele. Mas antes de tudo tem que respeitar tudo que ele fez, a história que ele fez. O cara se aposentou por causa do pai, não quer mais, então... Eu o respeito demais. Não vou falar nada, não vou provocar", disse "Do Bronx", durante encontro virtual com a imprensa ontem (11).

Charles e Michael Chandler lutam pelo cinturão que ficou vago desde que Nurmagomedov se aposentou. Os dois se enfrentam no combate principal do UFC 262 deste sábado (15), em Houston, nos Estados Unidos.

MMA