PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Por que Dos Anjos ainda sonha alto após vitória na volta aos pesos-leves

Rafael Dos Anjos ganhou de Paul Felder ontem - Handout/Zuffa LLC via Getty Images
Rafael Dos Anjos ganhou de Paul Felder ontem Imagem: Handout/Zuffa LLC via Getty Images

Flavio Latif

Do UOL, em São Paulo (SP)

15/11/2020 14h00

Ontem (14), o brasileiro Rafael dos Anjos venceu Paul Felder, número 7 do ranking dos pesos-leves, por decisão dividida no UFC Las Vegas 14. O triunfo do brasileiro foi muito importante já que nas suas últimas quatro lutas na principal organização de MMA, quando optou lutar no peso meio-médio, perdeu três e só venceu uma — contra o americano Kevin Lee com uma finalização por katagatame.

Após vencer Felder, o veterano de 36 anos desafiou Conor McGregor para uma luta e o irlandês aceitou. Mesmo após a sequência negativa na categoria de cima, Dos Anjos retornou aos leves com uma bagagem muito boa. O lutador já foi campeão da categoria em 2015, quando superou nada mais, nada menos do que Anthony 'Showtime' Pettis, um dos grandes nomes do MMA.

Em 2016, McGregor e Dos Anjos iriam se enfrentar no dia 5 de março. Porém, o brasileiro quebrou o pé em um treinamento e a luta deve que ser cancelada.

Uma vitória em cima do número 7 do ranking também credencia o brasileiro a um bom ranking na categoria, pois além de ser um ex-campeão, venceu um concorrente que dizia estar de olho em uma chance para disputar o cinturão.

Vale lembrar que o atual dono do cinturão dos pesos-leves é o invicto Khabib Nurmagomedov. No entanto, o lutador russo afirmou, após a vitória sobre Justin Gaethje, que estava se aposentando do MMA, já que estava muito triste com a morte de seu pai e sem ele as coisas eram muito mais difíceis.

Sendo assim, o caminho para Rafael Dos Anjos reencontrar o título da categoria estaria mais curto. Mas seria necessário uma boa sequência de vitórias neste retorno.

MMA