PUBLICIDADE
Topo

MMA


Jon Jones disputa cinturão no UFC 247 com nada a ganhar e muito a perder

Jon Jones e o cinturão dos meio-pesados - Josh Hedges/Zuffa LLC
Jon Jones e o cinturão dos meio-pesados Imagem: Josh Hedges/Zuffa LLC

Brunno Carvalho

Do UOL, em São Paulo

08/02/2020 04h00

Jon Jones subirá no octógono hoje em Houston (à 1h na madrugada de domingo no horário de Brasília) no que poderá ser sua última luta pelos meio-pesados do UFC. Com a divisão praticamente "zerada" por ele, o atual campeão não esconde de ninguém que seu foco já está em superlutas e uma mudança para os pesados.

O pensamento no futuro faz com que o duelo com Dominick Reyes tenha um ar de "nada a ganhar" para Jon Jones. Evidentemente, uma vitória o deixaria com o cinturão dos meio-pesados. Mas, para quem nunca perdeu uma luta desde que faturou o título pela primeira vez, não é grande coisa. Uma vitória sobre Reyes não mudaria o patamar de Jones, nesse sentido.

A escolha pelo desafiante indicava isso. Com Jones tão dominante, o meio-pesado se tornou uma categoria travada, em que não é necessária ter um currículo exuberante para lutar pelo cinturão, já que o campeão venceu todo mundo. Reyes venceu o ex-desafiante Volkan Oezdemir e o ex-campeão dos médios Chris Weidman, ambos bem longe de seus melhores momentos.

Por isso, a luta pós-Reyes é tão falada, até mais que o combate de hoje. Jones tem se preocupado mais em provocar Israel Adesanya, campeão dos médios, do que Dominick Reyes. Além disso, ele fala abertamente sobre o momento em que subirá de categoria e enfrentará Stipe Miocic.

Mas uma derrota poderá fazer com que os planos de "Bones" sejam atrasados. O UFC não ficará nada triste de ter Jon Jones em outra categoria, disputando superlutas e vendendo pay-per-view. Mas perder para Reyes tirará a alcunha de "invencível" que é há anos relacionada a Jon Jones. Além disso, uma revanche entraria em pauta. Para quem quer mudar de divisão, uma "obrigação" nos meio-pesados não parece algo muito interessante.

O futuro de Jon Jones será decidido na madrugada do sábado para domingo. O combate contra Dominick Reyes é a atração principal do UFC 247. Antes dela, Valentina Shevchenko colocará o cinturão dos moscas feminino em jogo contra Katlyn Chookagian.

MMA