PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Após declarações polêmicas, Conor McGregor pede desculpas à comunidade LGBT

Sean M. Haffey/Getty Images/AFP
Imagem: Sean M. Haffey/Getty Images/AFP

Do UOL, em São Paulo

31/10/2017 20h35

Nesta terça-feira (31), Connor McGregor pediu desculpa a toda comunidade LGBT após usar ofensas homofóbicas na luta de seu amigo Artem Lobov, na Polônia.

Em entrevista ao The Late Show, da Irlanda, ele relembrou o ocorrido e disse que não queria ofender ninguém com suas palavras. "Eu estava sussurrando em seu ouvido e estava falando sobre isso, e eu falei o que disse. Não quis desrespeitar ninguém da comunidade LGBT. Não quis ser desrespeitoso", explicou.

McGregor ainda destacou sua participação na campanha de apoio ao casamento entre pessoas do mesmo sexo, em 2015, na Irlanda. "Fiz campanha, quando tentávamos legitimar o casamento do mesmo sexo, fazia campanha por isso. É o que é. Apenas vou me desculpar pelo que eu disse e é isso, e tentar seguir em frente", disse.

O episódio aconteceu logo após a luta entre Lobov e o americano Andre Fili. Depois da luta, McGregor deixou o vestiário com o amigo e falou sobre o adversário. "Pensei que você apagaria ele. O que estou dizendo é que ele é uma bicha. Não sabia que ele era uma bicha", disse.

 

MMA