PUBLICIDADE
Topo

MMA


MMA

Minotauro reencontra médicos que o salvaram 25 anos após ser atropelado por caminhão

Minotauro (e) e os médicos que o salvaram, 25 anos depois do incidente na Bahia - Reprodução/Twitter
Minotauro (e) e os médicos que o salvaram, 25 anos depois do incidente na Bahia Imagem: Reprodução/Twitter

Do UOL, em São Paulo

02/11/2012 15h07

O baiano Rodrigo Minotauro é conhecido não só pelas vitórias no MMA, mas pela história de superação. Aos 11 anos de idade, ele foi atropelado por um caminhão, passou cerca de um ano no hospital, mas se recuperou. Nesta semana, passados 25 anos daquele incidente, ele reencontrou os médicos que o salvaram.

O peso pesado postou em seu Twitter, nesta quinta-feira, uma foto com os profissionais que lhe auxiliaram, em Vitória da Conquista (BA), sua cidade natal.

“No hospital em Vitória da Conquista ,Bahia.Encontro com os médicos que cuidaram de mim, após o acidente, 25 anos atrás”, disse ele.

O atropelamento obrigou que o diafragma do lutador tivesse de ser reconstruído e gerou um tratamento longo, de cerca de um ano. Uma cicatriz nas costas acompanha o baiano.

Minotauro teve outros casos de superação, já como lutador, com diversas cirurgias: joelho, quadris e braço foram as mais recentes. No UFC Rio 3, em outubro, ele voltou a vencer, com uma finalização sobre Dave Herman.

Nesta semana, o UFC anunciou que Minotauro e Fabrício Werdum serão os técnicos da segunda edição brasileira do reality show The Ultimate Fighter. Os lutadores se enfrentam ao final do programa, em combate que deve ser realizado em junho.

MMA