PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Neto diz que tumor no cérebro começou no pulmão, mas não fará quimioterapia

Reprodução/Instagram
Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

25/02/2017 07h54

O jogador de futsal Neto, autor do gol do título mundial de 2012, usou o seu perfil no Instagram para contar mais detalhes da operação que teve de fazer para retirar um tumor do cérebro no início deste mês e contou que o tumor começou no pulmão e se espalhou.

O atleta de 35 anos, entretanto, não precisará fazer quimioterapia durante a sua recuperação. O tratamento será feito com a ingestão de medicamentos por via oral.

"O meu tumor é originário do pulmão e teve a metástase na minha cabeça, portanto eu tenho que curar o pulmão e consequentemente estarei tratando todo o resto do corpo. Sai hoje do consultório do meu médico aqui em SP e as palavras dele foram as seguintes 'Eu estou muito otimista com o seu tratamento'. Mas aonde quero chegar? O meu tratamento será realizado com medicamentos via oral, não terei necessidade de quimioterapia. Tem bênção maior do que essa?", escreveu o jogador.

O jogador usou a postagem também para pedir para os seus fãs que sigam orando por sua recuperação.

"Então galera, continuem orando, pois daqui a pouco vamos estar comemorando mais uma vitória e com direito a gol de placa. Estou bem e vou estar cada dia melhor com toda a fé que carrego comigo", escreveu.

Atualmente, Neto defende o Kairat Almaty, do Cazaquistão. O defensor passou mal em um treino da sua equipe em janeiro e foi cortado dos amistosos da seleção brasileira na Catalunha. Na ocasião, a assessoria de imprensa da seleção divulgou que o motivo do corte havia sido uma lesão,

Esporte