! Vitória bate o Coritiba, quebra jejum caseiro e encosta no G-4 - 14/09/2008 - UOL Esporte - Futebol
UOL Esporte UOL Esporte
UOL BUSCA

14/09/2008 - 20h30

Vitória bate o Coritiba, quebra jejum caseiro e encosta no G-4

Do UOL Esporte
Em Salvador
Depois de dois empates sem gols no Barradão, o Vitória finalmente conquistou o primeiro triunfo caseiro no returno do Campeonato Brasileiro ao derrotar o Coritiba por 1 a 0 com gol de Marcelo Cordeiro. E para alívio e satisfação da torcida rubro-negra, a vítima, que somava os mesmos 37 pontos ganhos, caiu para o nono lugar e ficou para trás na briga por um lugar no G-4. Agora o Vitória ocupa o sexto lugar com 40 pontos, dois a menos que o quarto colocado, o Botafogo.

Edson Ruiz
Refletores do Barradão apagaram e jogo foi interrompido por 25 minutos no 1º tempo
Edson Ruiz
Jogadores do Vitória o gol que marcou o triunfo em casa sobre o Coritiba por 1 a 0
VEJA MAIS FOTOS DA PARTIDA
VEJA MAIS FOTOS DA RODADA
CONFIRA A CLASSIFICAÇÃO
LEIA MAIS SOBRE O VITÓRIA
LEIA MAIS DO CORITIBA
O Vitória volta a campo no próximo domingo, contra o Internacional, no Beira-Rio. Já o Coritiba enfrenta o Fluminense no sábado, no Maracanã.

Em sua melhor atuação desde a goleada sobre o Vasco, o Vitória iniciou a partida partindo para cima do Coritiba e acuando o adversário no campo de defesa. Em dois minutos de jogo, o meia Ramon já havia batido três escanteios.

E foi dos pés do camisa 10 rubro-negro, em um lance de bola parada, que nasceu o primeiro gol do jogo. Aos 10min, Ramon bateu a falta no canto esquerdo, à meia altura, o goleiro Vanderlei rebateu e o lateral Marcelo Cordeiro, do bico da pequena área, apanhou o rebote para bater rasteiro, cruzado, e fazer 1 a 0 para os anfitriões.

"Quem sabe não esquece. Esse gol foi muito importante porque depois de dois empates em casa não só eu, mas muitos jogadores tiveram sua capacidade questionada", desabafou o lateral, que esteve ameaçado de perder a posição para o zagueiro Anderson Martins, testado nos coletivos durante toda a semana na lateral esquerda da equipe titular.

O Vitória teve a chance de ampliar aos 15min, mas Leandro Domingues, de frente para o gol, chutou fraco e permitiu a defesa de Vanderlei.

Aos 21min, a linha de impedimento do Vitória falhou, Tiago Bernardes invadiu a área sozinho e só não marcou porque Vanderson salvou na hora do arremate. No lance seguinte foi a vez de Leonardo e Rafael falharem e Keirrison apanhar a bola na entrada da área e chutar rente à trava esquerda de Viáfara.

Aos 35min, o jogo foi paralisado pelo árbitro Paulo César Oliveira por queda de energia em duas torres de iluminação do Barradão. O jogo ficou paralisado por 25min, e na volta o Vitória perdeu duas grandes chances de ampliar, ambas com Leandro Domingues.

No segundo tempo, o Coritiba voltou melhor. Aos 3min, Alê chutou rasteiro, da intermediária, mas Viáfara pegou. Aos 5min, o colombiano salvou os anfitriões duas vezes: na primeira defendeu um tiro à queima-roupa de Marlos, e no rebote atirou-se aos pés de carlinhos Paraíba para abafar o chute disparado do bico da pequena área.

Aos poucou o Vitória reequilibrou a partida, mas novamente o excesso de preciosismo de Leandro domingues impediu que o time ampliasse o marcador. Aos 26min ele invadiu a área, driblou o goleiro, mas perdeu o ângulo na hora do arremate.

Na sequência, Domingues saiu de campo vaiado, ao ser substituído por Marco Antônio, que não apareceu tanto quanto o titular mas ao menos cumpriu a missão de ajudar a equipe a administrar o resultado.

VÍTÓRIA
Viáfara, Rafael, Anderson Martins, Leonardo Silva e Marcelo Cordeiro; Vanderson, Renan, Ramón (Adriano) e Willians; Osmar (Trípodi) e Leandro Domingues (Marco Antônio).
Técnico: Vágner Mancini

CORITIBA
Vanderlei, Evaldo, Tiago Bernardi e Rodrigo Mancha; Alex Silva (Henrique Dias) , Alê, João Henrique (Guaru), Carlinhos Paraíba (Tiago Silvi) e Ricardinho; Marlos e Keirrison.
Técnico: Dorival Júnior

Data: 14/09/2008
Local: Barradão, em Salvador
Árbitro: Paulo Cesar Oliveira (Fifa-SP)
Auxiliares: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Vicente Romano Neto (SP)
Público: 7.955 pagantes
Renda: R$ 100.715,00
Cartões amarelos: Alex Silva, Evaldo, Guaru (C), Vanderson e Leonardo Silva (V)
Gol:Marcelo Cordeiro, aos 10min do primeiro tempo

Hospedagem: UOL Host