! Juventude pretende decolar com a Red Bull - 19/01/2007 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  19/01/2007 - 13h41
Juventude pretende decolar com a Red Bull

Da Redação
Em Porto Alegre

O Juventude, considerado a terceira força do futebol gaúcho, está próximo de confirmar uma parceria que poderá fazê-lo decolar de vez e tornar-se um dos grandes clubes do País. Após um bom tempo de boatos e muito mistério, chegou às mãos da presidência do time de Caxias do Sul uma proposta da multinacional austríaca Red Bull, prevendo uma união por 10 anos.

O empresário Gilmar Veloz, que está intermediado a negociação entre gaúchos e austríacos, afirmou que a negociação já evoluiu tanto que, agora, "só depende do Conselho Deliberativo do Juventude para que as condições do acordo sejam aprovadas".

O principal executivo da Red Bull, Dani Bahr, numa prova das intenções de acordo, desembarcou de helicóptero em Caxias do Sul, na última quarta-feira, com outros diretores da multinacional. "Foi uma demonstração da força e do prestígio do Juventude", vibrou o vice-presidente de patrimônio do clube gaúcho, Milton Scola.

O Juventude, com uma dívida de R$ 18 milhões - baixa na comparação com os grandes clubes que disputam a Série A do campeonato brasileiro -, seria considerado o ideal para o investimento da Red Bull, não apenas devido a esse valor, mas porque a cobrança por resultados imediatos não seria tão grande como, por exemplo, em clubes de porte como um Flamengo, um Internacional, ou um Flamengo.

Os valores propostos ainda não foram divulgados, mas segundo especulações da reportagem do jornal Pioneiro, de Caxias do Sul, só no primeiro ano seria investido no mínimo o triplo do orçamento anual do Juventude, que foi de R$ 13 milhões em 2006.

Caso se conforme, será a segunda parceria de porte que faz o clube da serra gaúcha, pois o clube já viveu o seu período de união com a Parmalat, quando ascendeu à primeira divisão nacional e chegou a ser campeão da Copa do Brasil em 1999.

A Red Bull, no país sede da empresa, detém o controle do Salzburg, que tem como treinador o alemão Lothar Matthaus, de passagem rápida pelo Atlético-PR, e entre os jogadores se destacam omeia croata Kovac, o zagueiro japonês Myamoto e o meia brasileiro Morais, ex-Vasco.


Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias