! Vasco goleia Paysandu em 7min e mantém sonho - 20/11/2005 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  20/11/2005 - 17h57
Vasco goleia Paysandu em 7min e mantém sonho

Da Redação
No Rio de Janeiro

Bastaram sete minutos para o Vasco manter vivo o sonho da Sul-Americana. Depois de um primeiro tempo ruim, o time carioca fez três gols até os 7min do segundo tempo e derrotou o Paysandu por 4 a 0, na antepenúltima rodada do Campeonato Brasileiro.

Os resultados da rodada, no entanto, mantiveram a equipe cruzmaltina no 14º lugar, com 52 pontos, empatado com Fortaleza (que tem uma vitória a mais) e com Juventude (que tem melhor saldo de gols). A distância para a zona de classificação continua sendo de três pontos.

"Enquanto a gente puder sonhar, vamos continuar lutando. Vamos trabalhar essa semana para conseguir a vitória no jogo contra o Atlético-MG", disse o meia Morais.

ROMÁRIO 2 X 0 ROBSON
No duelo pela artilharia entre Romário, do Vasco, e Robson, do Paysandu, o primeiro levou vantagem nesta partida. Os dois tiveram boas oportunidades, mas enquanto o Baixinho marcou duas vezes, Robgol não fez nenhum.

Com os gols, o jogador cruzmaltino está a apenas um gol do atleta do time paraense, artilheiro do Brasileiro. Leia mais
Já o Paysandu ficou em situação delicada. Com 41 pontos, o time é o vice-lanterna, empatado com o Brasiliense, último colocado. Os paraenses estão a seis pontos da primeira equipe fora da zona de rebaixamento.

Na disputa entre Romário e Robson, o atacante vascaíno levou a melhor. Autor do terceiro e quarto gols, o Baixinho chegou aos 20 marcados no campeonato e agora está a um do artilheiro. O jogador também passou Alex Dias (que não joga mais este ano) como maior goleador do clube neste certame.

Na próxima rodada, a penúltima do Nacional, as duas equipes entram em campo no domingo, dia 27, às 16h. O Vasco visita o Atlético-MG no estádio Mineirão, na capital mineira, enquanto o Paysandu vai até Curitiba, onde encara o Atlético-PR.

O jogo
As atenções do jogo estavam voltadas para o duelo entre Romário e Robson. E logo aos 2min, o atacante vascaíno teve uma grande oportunidade. Róbson Luiz cruzou, a defesa falhou e o Baixinho dominou livre na área e chutou, mas Alexandre Fávaro salvou com os pés. No rebote, Romário tentou de novo, mas pegou mal e o goleiro ficou com a bola.

PRÓXIMOS JOGOS
RodadaVascoPaysandu
41ª Atlético-MG (F) Atlético-PR (F)
42ªParaná (C)Flamengo (C)
O time da casa era mais perigoso, mas o Paysandu tinha mais posse de bola. Os paraenses só levaram perigo aos 9min. Rodrigo recebeu de Robson, na área, e bateu cruzado. A bola passou rente à trave. Aos 13min, a jogada se inverteu. Rodrigo cruzou da esquerda, Robgol se adiantou à marcação e tocou para a defesa tranqüila de Roberto.

Apesar de jogar fora de casa, a equipe paraense jogava melhor e passou a criar boas chances. Aos 19min, Rodrigo tocou, Robson deixou a bola passar e Rafael Moura chegou batendo colocado para grande defesa de Roberto.

O time cruzmaltino voltou a equilibrar a partida e chegou bem no ataque. Aos 28min, a defesa falhou e a bola sobrou para Romário, que acabou derrubado por Jamur, na entrada da área. Na cobrança, o atacante chutou por cima. Aos 36min, Diego arriscou de fora da área e Alexandre Fávaro espalmou.

No final do primeiro tempo, Robson ainda teve mais duas chances para o Paysandu. Aos 37min, Jamur cruzou da direita e o atacante cabeceou para fora, com muito perigo. Aos 45min, após a falha na saída da defesa vascaína, a bola sobrou para Robgol que, dentro da área, chutou na rede pelo lado de fora.

TROMBADA
O primeiro tempo de Vasco e Paysandu foi tão movimentado que a disposição dos jogadores acabou fazendo o árbitro Elvécio Zequetto de vítima.

Aos 26min, quando corria atrás de uma bola, o atacante Robson, do Paysandu, trombou com o árbitro. A partida foi interrompida para Zequetto receber atendimento, já que ele havia machucado a boca.
O primeiro tempo do Vasco não agradou ao técnico Renato Gaúcho, que deu uma bronca nos jogadores no intervalo, como revelou o meia Morais. "Ninguém gostou do primeiro tempo. Mas já tomamos a dura que tínhamos que tomar e esse segundo tempo será diferente", disse o jogador.

A dura no intervalo surtiu efeito e em sete minutos o Vasco construiu um grande placar. Logo aos 2min, depois da boa troca de passes, Morais cruzou rasteiro para Diego, livre na pequena área, tocar para o gol aberto. O segundo gol saiu aos 5min. Morais recebeu a bola com muito espaço e, de longe, acertou o ângulo, marcando um golaço.

O Paysandu tentou responder aos 6min, mas Roberto fez boa defesa e o time da casa definiu o jogo no lance seguinte. Romário tabelou com Marco Brito e, cara a cara com Alexandre Fávaro, só deu um toque no canto.

O jogo ficou aberto e as duas equipe passaram a perder boas chances. Aos 11min, Marabá recebeu na área, bateu cruzado e Roberto desviou pela linha de fundo (O árbitro errou e não marcou escanteio). Aos 17min, Romário dominou dentro da área e fez o giro, mas chutou para fora.

Perdendo, o Paysandu partiu para o ataque e desperdiçou oportunidades incríveis. Aos 33min, Balão cruzou e, sozinho na pequena área, Luis Augusto chutou para fora. Aos 36min, Marabá cobrou falta e acertou o travessão.

O Vasco voltou a levar perigo no fim do jogo. Aos 38min, Wagner Diniz invadiu pela direita, encobriu Alexandre Fávaro e Váldson cortou em cima da linha. Aos 42min, o Vasco definiu o placar com seu artilheiro. Fernandinho deu ótimo passe para Romário, livre, fazer o quarto gol, chegando aos 20 no campeonato.

VASCO
Roberto, Wagner Diniz, Fábio Braz, Luciano e Diego; Ives (Rubens), Amaral, Abedi, Morais (Fernandinho) e Robson Luis (Marco Brito); Romário
Técnico: Renato Gaúcho

PAYSANDU
Alexandre Fávaro; Jamur, Váldson, Felipe Saad e Cléber; Vânderson, Marabá, Gian (Luis Augusto) e Rodrigo (Balão); Róbson e Rafael Moura (Zé Augusto)
Técnico: Carlos Alberto Torres

Local: estádio São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Elvécio Zequetto (MS)
Auxiliares: Paulo César Pereira de Freitas e Paulino Mariano Fernandes (ambos do MS)
Cartões amarelos: Jamur (P), Robson (P), Fabio Braz (V), Ives (V), Amaral (V), Gian (P)
Gols: Diego, aos 2min, Morais, aos 5min, e Romário, aos 7min e aos 42min do segundo tempo

Leia mais

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias