! Corinthians vence e alcança nona rodada no topo - 08/10/2005 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  08/10/2005 - 17h50
Corinthians vence e alcança nona rodada no topo

Da Redação
Em São Paulo

Folha Imagem
Rosinei marca dois e é um dos destaques na vitória do Corinthians diante do Fortaleza
Nenhum time passou tanto tempo no topo da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro quanto o Corinthians. O time paulista superou o Fortaleza por 3 a 0 neste sábado, no Pacaembu, e chegou à nona rodada como líder do torneio (a terceira consecutiva). Com isso, a equipe dirigida por Antônio Lopes supera os oito jogos que a Ponte Preta havia passado na primeira colocação.

"O nosso trabalho está sendo bem feito e conseguimos nos garantir na liderança por mais uma rodada. Precisamos seguir assim, trabalhando jogo a jogo, para podermos chegar ao nosso objetivo, que é o título do Campeonato Brasileiro", projetou o meia Roger.

A manutenção da liderança do Campeonato Brasileiro, agora com 59 pontos, não foi o único motivo para festa do Corinthians neste sábado. O time paulista chegou a 63 gols marcados no Campeonato Brasileiro, ratificou a condição de ataque mais eficiente desta temporada e quebrou o recorde de gols da equipe em uma única edição do torneio (o clube alvinegro havia feito 62 gols em 1999 e em 2003).

Se o ataque está em alta, a defesa também mostra evolução. Na partida deste domingo, a quarta de Antônio Lopes como treinador do Corinthians, o time alcançou 227 minutos sem sofrer um gol sequer. "Marcamos muito bem. Todo mundo correu e se dedicou bastante para nós não sofrermos nenhum perigo", elogiou o zagueiro Marinho.

Com o melhor ataque da história do clube no Brasileiro e a defesa em alta, o Corinthians alcançou neste sábado a 11ª partida consecutiva sem nenhum revés. Esta marca iguala a melhor seqüência da equipe na temporada, obtida entre os dias 13 de março e 24 de abril.

O ÚNICO ESTRANGEIRO
O Corinthians contratou três jogadores argentinos nesta temporada. No entanto, o único estrangeiro em campo neste sábado vestiu a camisa do Fortaleza.

O ataque do time cearense foi formado pelo brasileiro Alex Afonso e por Aluspah, de Serra Leoa. O jogador, que chegou a treinar no Flamengo no ano passado, fez sua estréia no Fortaleza neste sábado.

Quanto ao Corinthians, nenhum estrangeiro foi escalado para este sábado. O zagueiro Sebá e o volante Mascherano, lesionados, estão no departamento médico. Tevez foi convocado para defender a Argentina nas duas últimas rodadas das Eliminatórias para a Copa do Mundo.
Com a derrota deste sábado, o Fortaleza estacionou nos 41 pontos em 31 partidas. O revés diante do líder Corinthians mantém a equipe cearense na oitava colocação do Campeonato Brasileiro.

Após o confronto com o Fortaleza, o Corinthians terá dois clássicos pela frente. O time paulista volta a campo na próxima quinta-feira, quando vai refazer o confronto contra o Santos (que foi anulado pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva). Na seqüência, no domingo, a equipe do Parque São Jorge vai encarar o Palmeiras.

O Fortaleza, que não teve partidas anuladas pelo STJD, terá mais tempo para descansar. O próximo compromisso do time cearense no Campeonato Brasileiro será apenas no sábado, dia 15 de outubro, em Fortaleza, contra o Paysandu.

O jogo
Assim como havia prometido o técnico Antônio Lopes, o Corinthians aproveitou a lentidão da defesa do Fortaleza e pressionou a saída de bola do adversário desde o início do confronto deste sábado.

EX-CAPITÃO PRESENTE
Como este fim de semana foi reservado para partidas válidas pelas Eliminatórias para a próxima Copa do Mundo, os campeonatos europeus sofreram uma pausa.

Com isso, o zagueiro Anderson aproveitou a folga na tabela do Benfica para acompanhar o jogo do Corinthians contra o Fortaleza das arquibancadas do Pacaembu.

Revelado pelo Corinthians, Anderson era titular e capitão da equipe alvinegra até esta temporada, quando se transferiu para o Benfica.
No entanto, o time paulista evidenciou seu desgaste físico e não conseguiu manter o nível de movimentação dos minutos iniciais. Com isso, aos poucos o Fortaleza ganhou espaço para trabalhar a bola em seu campo de defesa e a partida ficou equilibrada.

O único jogador do Corinthians com movimentação insistente foi o centroavante Nilmar. O problema é que, sempre que recebeu a bola, o camisa 9 dos donos da casa ficou isolado entre os zagueiros do Fortaleza e não conseguiu levar vantagem.

"O professor [Antônio Lopes] pediu para jogarmos mais juntos. O time estava muito longe e precisou usar demais a bola longa. Faltou um pouco de movimentação para podermos tabelar", avaliou Rosinei.

Aos 44min, porém, a bola longa funcionou e o Corinthians inaugurou o marcador. Em cobrança de falta ensaiada, Eduardo chutou de fora da área. Bosco defendeu em seu canto direito e o rebote ficou com Rosinei, que empurrou para as redes.

A vantagem do Corinthians fez o Fortaleza sair mais para o jogo na segunda etapa. "Vamos tentar ser um pouco mais agressivos. Usamos pouco as laterais no começo da partida e precisamos aproveitar um pouco mais os espaços", planejou o atacante Clodoaldo, que entrou no intervalo.

CORINTHIANS SEM DERROTA
DataAdversárioPlacar
28/08Botafogo3 x 3
31/08Goiás1 x 1
11/09Atlético-PR2 x 0
14/09River Plate0 x 0
18/09Figueirense3 x 2
22/09Atlético-MG1 x 1
25/09Flamengo3 x 1
28/09River Plate1 x 1
01/10Brasiliense3 x 2
05/10Fluminense2 x 0
08/10Fortaleza3 x 0
Quando o Fortaleza saiu para o ataque, o Corinthians aproveitou os contra-golpes e definiu o jogo. Logo aos 5min do segundo tempo, Hugo ganhou de Amaral e lançou Nilmar, que tocou de primeira para Rosinei. O camisa 8 invadiu a área em velocidade e chutou com muita força para ampliar.

O Corinthians ficou em situação ainda mais confortável aos 18min, graças a jogada individual de Carlos Alberto. O camisa 19 recebeu de frente para o gol, na intermediária, passou por três marcadores e chutou no canto direito baixo de Bosco.

Com o golaço de Carlos Alberto, o Corinthians conseguiu uma vantagem confortável. Depois disso, o time paulista apenas trocou passes e, ao som de "olé" da torcida alvinegra, administrou o resultado no Pacaembu. Nem mesmo o gol marcado por Nilmar e anulado pelo árbitro atrapalhou a festa do líder.

CORINTHIANS
Fábio Costa; Eduardo, Marinho, Betão e Hugo; Marcelo Mattos, Bruno Octávio (Wendel), Rosinei (Fabrício) e Roger (Dinélson); Nilmar e Carlos Alberto
Técnico: Antônio Lopes

FORTALEZA
Bosco; Amaral, Márcio Goiano, Ronaldo Angelim e Marquinhos, Dude, Erandir (Marcelo Lopes), Hernani e Paulo Isidoro (Igor); Alex Afonso (Clodoaldo) e Aluspah
Técnico: Hélio dos Anjos

Local: estádio do Pacaembu, em São Paulo (SP)
Árbitro: Luiz Antônio Silva Santos (RJ)
Auxiliares: Hilton Moutinho Rodrigues e Vilmar Raul (ambos do RJ)
Cartões amarelos: Erandir (F), Márcio Goiano (F), Dude (F), Rosinei (C), Carlos Alberto (C)
Gols: Rosinei, aos 44min do primeiro tempo, Rosinei, aos 5min, Carlos Alberto, aos 18min do segundo tempo
Leia mais

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias