! Fortaleza vence e cumpre sua meta. Botafogo não - 21/08/2005 - UOL Esporte - Futebol
UOL EsporteUOL Esporte
UOL BUSCA


  21/08/2005 - 20h08
Fortaleza vence e cumpre sua meta. Botafogo não

Da Redação
No Rio de Janeiro

Enquanto o Fortaleza alcançou a meta estabelecida pelo técnico Hélio dos Anjos ao vencer o Botafogo por 3 a 1, de virada, no estádio Castelão, no Ceará, neste domingo, a equipe carioca sucumbiu no seu objetivo. O jogo entre as equipes foi válido pela última rodada do primeiro turno do Campeonato Brasileiro.

Com o triunfo, o time cearense chegou aos 30 pontos, programados pelo seu comandante, e assumiu a 12ª colocação. O alvinegro, por sua vez, não conseguiu terminar a primeira parte do certame no grupo dos quatro primeiros, que se classificam para a Copa Libertadores da América - o time caiu para o nono lugar, com 32 pontos.

RUY REESTRÉIA PELO BOTAFOGO
O lateral-direito Ruy fez sua reestréia com a camisa alvinegra na noite deste domingo. O jogador, que defendeu o Botafogo em 2003 e 2004, foi para o Cruzeiro após o término do Brasileiro do ano passado, mas voltou ao time da Estrela Solitária na semana retrasada emprestado de graça pelo clube mineiro.

Ruy volta ao Botafogo com a tarefa de substituir César Prates, vice-artilheiro do time no campeonato, com seis gols, todos de falta. O jogador já disse que não atua mais pelo clube por causa de insinuações do presidente Bebeto de Freitas de que teria atuado sem empenho na partida contra o Paraná.
"Temos que brigar por vitória na seqüência do campeonato para que a gente possa voltar a buscar posições no topo da tabela e retomar a meta", disse o técnico Péricles Chamusca ao final da parida.

Além disso, o Botafogo também amargou o seu terceiro jogo seguido sem vitória nesta temporada. Nas últimas duas rodadas do Brasileiro, o time foi goleado pelo Cruzeiro, por 4 a 1, e empatou com o Santos, no domingo passado, por 3 a 3.

Para completar o desastre, o Botafogo sofreu sua primeira derrota para o Fortaleza em mais de 100 anos de história. Até então, as equipes tinham se enfrentado nove vezes, com seis vitórias alvinegras e três empates. Por campeonatos brasileiros, antes da partida deste domingo, tinham acontecido quatro jogos, com três vitórias dos cariocas e um empate.

O Botafogo vai buscar a reabilitação no Brasileiro na próxima quinta-feira, enfrentando o Internacional, no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro, às 20h30. Já o Fortaleza vai à capital do Paraná para encarar o Coritiba, no mesmo dia e horário.

RAMON NÃO JOGOU
O meia Ramon foi um desfalque de última hora no time do Botafogo. O jogador passou mal na madrugada de sexta para sábado e teve febre. Em seu lugar, o técnico Péricles Chamusca escalou Zé Roberto, que teve atuação apagada.
O jogo
O Botafogo deu o primeiro susto aos 5min. Alex Alves chutou da entrada da área e a bola passou rente ao travessão de Bosco, próximo ao ângulo direito do goleiro.

Foi o Botafogo, aliás, que abriu o placar aos 19min. Reinaldo recebeu passe dentro da grande área, pela esquerda, e rolou no meio para Alex Alves, que tocou de primeira na saída de Bosco. O goleiro ainda tocou na bola, mas ela entrou mansamente no gol do Fortaleza, sem sequer balançar a rede.

O time da casa acordou e empatou o jogo aos 28min. Marquinhos recebeu passe próximo ao bico da grande área, pela esquerda, e chutou cruzado. A bola ainda bateu na trave esquerda de Max antes de entrar.

A equipe do Fortaleza voltou para o segundo tempo determinada a virar o jogo e conseguiu o seu objetivo logo aos 6min. Lúcio arrancou pela esquerda e cruzou rasteiro para Rinaldo, que pegou de primeira no segundo pau, tocando na saída de Max.

O time da casa se empolgou e quase ampliou a vantagem aos 18min. Fumagalli avançou pela ponta esquerda, deu um drible desconcertante em Rafael Marques, que caiu sentado, e chutou forte. A bola explodiu no travessão de Max e foi afastada pela defesa alvinegra na seqüência.

De tanto atacar, o time da casa ampliou a vantagem aos 35min. Na cobrança de escanteio da direita, Ronaldo Angelim pegou de primeira, acertando um petardo no ângulo esquerdo de Max, dando números finais à partida.

FORTALEZA
Bosco; Amaral, Alan, Ronaldo Angelim e Marquinhos (Tiago Matos); Marcelo Lopes, Erandir (Dude), Lúcio e Mazinho Lima; Rinaldo (André) e Fumagalli
Técnico: Hélio dos Anjos

BOTAFOGO
Max; Ruy, Rafael Marques, Asprilla e Bill; Jonilson, Juca (Joílson), Glauber (Leandro Carvalho) e Zé Roberto; Alex Alves e Reinaldo (Almir)
Técnico: Péricles Chamusca

Local: estádio Castelão, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Cléber Wellington Abade (SP)
Assistentes: Luís Quirino Costa e Marcelo Van Gasse (ambos de SP)
Cartões amarelos: Marcelo Lopes (F), Juca (B), Joílson (B), Alan (F), Bill (B)
Gols: Alex Alves, aos 19min, e Marquinhos, aos 28min do primeiro tempo; Rinaldo, aos 6min, e Ronaldo Angelim, aos 35min do segundo tempo

Leia mais

Veja também


ÚLTIMAS NOTÍCIAS
03/09/2007
Mais Notícias