PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões - 2021/2022

Champions: Capitão do Liverpool manda recado para o Real antes da final

Jordan Henderson vibra e corre para abraçar Gerrard em jogo do Liverpool na Liga dos Campeões - STOYAN NENOV / REUTERS
Jordan Henderson vibra e corre para abraçar Gerrard em jogo do Liverpool na Liga dos Campeões Imagem: STOYAN NENOV / REUTERS

25/05/2022 18h58

Classificação e Jogos

Jordan Henderson, capitão do Liverpool, falou sobre suas expectativas para a grande decisão da Champions League que ocorrerá no próximo sábado (28) em Paris. Em entrevista ao jornal inglês The Guardian, ele falou sobre o time, a temporada e última final contra o Real Madrid. O meia será o primeiro jogador inglês a capitanear uma equipe em três finais da competição.

"Sim, eu uso a braçadeira em dia de jogo e estou aqui há muito tempo, mas há tantos outros líderes dentro do vestiário, tantos grandes jogadores, e é um esforço coletivo. Não se trata de tentar igualar outros capitães incríveis que o Liverpool teve, ou tentar bater recordes. Tenho a sorte de estar em uma equipe de classe mundial e muito orgulhoso de poder usar a braçadeira e liderar a equipe. Daremos tudo e esperamos trazer outra Liga dos Campeões de volta a Anfield.

Henderson esteve no vice-campeonato do Liverpool contra o próprio Real Madrid em 2018. Para ele, muitas coisas mudaram nos Reds desde a decisão em Kiev. Agora em Paris, o capitão acredita que o Real perceberá tal diferença dentro de campo:

"Eu diria que eles vão enfrentar um Liverpool diferente, com certeza. Fizemos muito bem para chegar lá quando jogamos contra o Madrid na final em 2018. Os rapazes foram incríveis. Mas crescemos desde então. Novos jogadores entraram, tivemos sucesso, tivemos momentos ruins também nesse período, e tudo isso você aprende. Definitivamente, sinto que este é um time diferente do que o Real Madrid enfrentou há alguns anos".

O camisa 14 do Liverpool já levantou a taça como capitão da equipe em 2019 e esteve envolvido em todos os títulos do clube sob o comando de Jürgen Klopp. Mesmo após ganhar tudo com os Reds, o volante quer repetir a façanha:

"A Liga dos Campeões sempre foi um sonho, a Premier League sempre foi um sonho e quando você faz isso, precisa reavaliar. Você precisa processar isso e pensar: 'E agora?' É sobre o próximo desafio e encontrar uma maneira de querer ainda mais. A fome sempre existiu, e quando você ganha a fome aumenta e você começa a pensar em outros desafios. Você está criando história o tempo todo e é disso que se trata. Quanto mais troféus você ganha, mais história você cria - disse.

O Liverpool acabou perdendo o título da Premier League no último final de semana e veio de uma temporada cheia de jogos fundamentais. Para Henderson, a pressão foi sempre existente, mas o mais importante é desfrutar do momento.

"Eu tento aproveitar a jornada. É difícil com toda a pressão e todos os jogos, mas tenho que dar muito crédito aos rapazes pela forma como lidam com isso, pela mentalidade, o foco em cada jogo a cada três dias, é incrível. Temos um último grande empurrão na final da Champions League e temos que dar absolutamente tudo. Espero que possamos trazer o troféu de volta para Anfield. Será uma temporada muito boa se for esse o caso. Os rapazes e os torcedores merecem, não importa o quê."

O Liverpool enfrenta o Real Madrid em Paris, justamente no mesmo lugar onde os Reds bateram a equipe espanhola na primeira final entre as duas equipes. A bola rola a partir das 16h de Brasília. Os ingleses já venceram a Copa da Liga e a FA Cup nesta temporada.