PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Juventus aplica virada relâmpago e vence Roma em jogo com sete gols

Juventus vence Roma após fazer três gols em sete minutos - Giampiero Sposito/Getty Images
Juventus vence Roma após fazer três gols em sete minutos Imagem: Giampiero Sposito/Getty Images

09/01/2022 16h35

Classificação e Jogos

A Juventus venceu a Roma, hoje, em jogo eletrizante pelo Campeonato Italiano. Com três gols em sete minutos, a Velha Senhora, que teve De Ligt expulso, bateu o time rival por 4 a 3 no Estádio Olímpico.

Dybala, Locatelli, Kulusevski e De Sciglio marcaram para a Juve, enquanto Abraham, Mkhitaryan e Pellegrini fizeram para a Roma. Cinco dos sete gols do jogo aconteceram no segundo tempo.

Apesar da virada relâmpago, a Roma teve a chance de sair pelo menos com o empate, mas Pellegrini desperdiçou o pênalti marcado por toque de mão de De Ligt. Além de cobrar mal a penalidade, o jogador desperdiçou o rebote.

A Juventus volta a campo nesta quarta-feira, às 17h (de Brasília), quando enfrenta a Inter de Milão pela Supercopa da Itália. A Roma, por outro lado, só volta no próximo domingo, às 14h, quando encara o Cagliari pelo Campeonato Italiano.

Roma na frente!

Jogando em casa, a Roma dominou a partida no início e o atacante Tammy Abraham abriu o placar aos dez minutos. Veretout cobrou escanteio pela esquerda e camisa 9 subiu para na primeira trave para desviar e mandar para o fundo das redes.

Tudo igual

Após levar o gol, a Juventus acordou para a partida e precisou de sete minutos para empatar. Dybala recebeu de Chiesa na entrada da área e bateu de chapa com muita categoria para não dar chances ao goleiro Rui Patrício e deixar tudo igual no Estádio Olímpico.

Atropelo?

O início da etapa final foi igual ao primeiro tempo: com pressão da Roma. O time de José Mourinho precisou de sete minutos para marcar duas vezes e fazer 3 a 1. O primeiro foi de Mkhitaryan, que contou com desvio em De Sciglio. O segundo foi de Pellegrini, em cobrança de falta magistral.

Juve reage

Quando a vitória da Roma parecia definida, a Juventus foi ao ataque e mudou tudo. Morata, que havia acabado de entrar, achou Locatelli aos 25 minutos na área e o camisa 27 marcou de cabeça. Quatro minutos depois, após bate e rebate e com auxílio do VAR, Kulusevski empatou. Mais três minutos passados e foi a vez de De Sciglio se recuperar da falha para invadir a área e bater forte no canto para fazer o quarto da Velha Senhora.

Assim não...

Achou que não tinha mais tempo para emoção? Achou errado. Logo na saída de bola após o quarto gol da Juve, a Roma foi para o ataque o árbitro marcou pênalti após a bola pegar no braço de De Ligt, que recebeu o segundo amarelo e foi expulso. Pellegrini foi para a cobrança, bateu mal e viu Szczesny defender. No rebote, com o gol vazio, Pellegrini mandou para fora.

Futebol