PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Artilheiro, Gilberto marca e garante empate do Bahia com Ceará

27/10/2021 21h02


Mais uma rodada movimentou o Brasileirão. Pela 23ª rodada, o Bahia recebeu o Ceará, na Arena Fonte Nova, em Salvador. O jogo, que aconteceu nesta quarta-feira, 27, contou com o equilíbrio das duas equipes, que marcaram os gols com menos de cinco minutos de diferença. O duelo terminou no 1 a 1.

BUSCANDO A VITÓRIA...

Mesmo não jogando em casa, o Ceará não quis tomar conhecimento sobre o adversário e foi para cima do Bahia. Logo no primeiro minuto, Mendoza recebeu na área e bateu cruzado. Contudo, Danilo Fernandes fez a defesa.

PRESSÃO CEARENSE!

O Vozão seguiu com as melhores chegadas e voltou a ter uma boa chance. Aos 7, Erick lançou na área, e Vina chegou para finalizar. No entanto, a defesa do Bahia levou a melhor. Em nova tentativa, Erick mandou uma bomba na marcação.

RESPOSTA À ALTURA!

O Bahia não ficou para trás e tratou logo de responder. Aos 9, em cobrança de escanteio, a bola foi na segunda trave. Gilberto apareceu e subiu para cabecear, mandando para fora.

EQUILÍBRIO E NOVA CHANCE!

Com o Bahia controlando mais as jogadas, o Ceará pouco criou, tornando o jogo mais equilibrado. Dessa forma, poucas chances foram criadas. Aos 24, porém, o Tricolor Baiano voltou a aparecer. Na jogada, Nino Paraíba recebeu na intermediária e arriscou, do lado direito, para o gol. Porém, a bola foi na trave.

JUNINHO CAPIXABA!

Na sequência, Juninho Capixaba recebeu na área e bateu para o gol. João Ricardo salvou. Aos 32, o meia voltou a aparecer. Em cobrança de falta, o jogador mandou uma bomba direto para o gol. Novamente, o goleiro do Ceará defendeu.

NA FRENTE...

O Ceará voltou ainda mais ofensivo para a segunda etapa. Contudo, o gol só foi sair aos 8. Bruno Pacheco avançou pela lateral e tocou para Mendoza, que tabela com Vina, recebeu de Jael e carimbou o fundo das redes.

MAS NÃO POR MUITO TEMPO!

O Bahia não tardou a responder à altura. Aos 11, Gilberto deixou tudo igual na Arena Fonte Nova. O atacante tabelou e arriscou de fora da área, anotando um golaço e deixando a partida no 1 a 1.

QUERENDO A VIRADA...

Os baianos aumentaram ainda mais a pressão. Aos 15, Raí Nascimento recebeu de Patrick, arriscando um chute forte de dentro da área. A bola, porém, bateu em cima de João Ricardo. Na sequência, Nino recebeu de Daniel e bateu. O goleiro cearense salvou.

EM TRÊS MINUTOS!

Depois das investidas do Esquadrão de Aço, as duas equipes focaram nas substituições promovidas e não ofereceram muito perigo ao adversário. ?Com pouco tempo em campo, Cléber recebeu dois amarelos em menos de três minutos. O primeiro foi por falta em Conti, e o segundo aconteceu após uma chegada em Edson. Com isso, o atacante saiu da partida aos 37.

FICHA TÉCNICA
Bahia 1 x 1 Ceará
Local:
Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Data: 27/10/2021 - às 19h (de Brasília)
Público pagante: 11.446
Renda: R$ 190.150,00
Árbitro: Antonio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Mauro Cezar Evangelista de Sousa (PI)
VAR: Thiago Duarte Peixoto (BA)
Cartões amarelos: Nino Paraíba, Matheus Bahia e Lucas Araújo (Bahia); Bruno Pacheco (Ceará)
Cartões vermelhos: Cléber (Ceará)

Futebol