PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após romper com a mãe, Medina reata com pai biológico, que diz: 'Ela sempre falou mal de mim'

28/09/2021 20h51


O pai biológico de Gabriel Medina, Cláudio Ferreira, deu uma entrevista ao 'Uol Esportes' onde afirma que fez as pazes com o surfista tricampeão mundial e que os dois pediram desculpas pelo passado. Cláudio disse ainda que a mãe do atleta, com quem ele rompeu relações, falava mal dele para o filho e contou uma versão diferente para as histórias.

- Só esse ano que ele veio falar comigo. Muitas das coisas que aconteceram, ele desconhecia, porque a mãe dele sempre falou muito mal de mim. E eu disse que a verdade é essa, essa, essa. A gente conversou muito, chorou muito. Ele falou: 'Pai, me perdoa. Desculpa ter errado esses anos todos'. Eu também pedi perdão - afirmou.

- Eu, muitas vezes, pensei mal dele, achava que ele não queria me ver, mas era a Simone fazendo as coisas por trás, e a gente era envolvido. Graças a Deus, permaneceu a verdade. Estamos vivendo a verdade hoje em dia (...) Foi um jogo que ela fez de sempre podar. Gabriel é isso, isso, isso. Se ele passasse daquilo, ela reclamava - concluiu.

Cláudio falou que começou a se reaproximar do filho por causa de seus namoros. Ele afirmou que um relacionamento anterior do filho terminou de modo 'suspeito' e que a mãe tentava controlar os relacionamentos do surfista.

- Quando ele teve oportunidade, ele me apresentou a ela. Aí começou a Yasmin (Brunet) falar para o Gabriel: 'Sua mãe fala dele [de Claudio] de um jeito, mas quando eu venho aqui, eu tô falando com ele normal, sincero, não estou entendendo. Você precisa falar com ele mais. Foi quando eles foram para o Havaí e casaram. Uma hora antes, ele me ligou, me contou e eu abençoei o casamento. Quando ele voltou e foi contar para a mãe, a Simone não gostou - contou.

Cláudio, que leva uma vida simples em Maresias e trabalha de moto na região, ainda falou que Simone Medina, que tinha controle de bens conquistados pelo filho como surfista antes do rompimento, tenta se beneficiar financeiramente com a carreira do filho.

- Agora, ele está sabendo a verdade. O prédio do Instituto [Gabriel Medina] foi comprado com o dinheiro dele, só que ele confiou no padrasto e na mãe, e ela até hoje diz que é dela. Mas ela não tinha dinheiro para comprar, foi meu filho que comprou. Agora, ela quer vender o terreno que é do meu filho, mas que está no nome dela - afirmou.

Futebol