PUBLICIDADE
Topo

Flamengo

Flamengo volta a tropeçar às vésperas de um mata-mata pela Libertadores

27/09/2021 08h05

Classificação e Jogos

A obstinação do Flamengo pelo tricampeonato da Copa Libertadores gerou mais um momento curioso. Pela quarta vez consecutiva, o time teve um percalço às vésperas de uma partida decisiva pela Copa Libertadores.

No total, foram dez pontos desperdiçados em quatro jogos (dois empates e duas derrotas). A equipe atualmente está com 35 pontos em 19 partidas, enquanto o líder Atlético-MG tem 46 pontos em 21 jogos.

A "sina" começou diante do Internacional. O técnico Renato Gaúcho viu sua invencibilidade à frente do clube se esvair com uma goleada por 4 a 0 sofrida para o Internacional. Dias depois, a equipe se redimiu com um placar dilatado no Paraguai, ao golear o Olimpia por 4 a 1.

Às vésperas do jogo de volta, o comandante rubro-negro optou por poupar jogadores como Willian Arão, Arrascaeta e Bruno Henrique no duelo com o Ceará, fora de casa. A equipe empatou em 1 a 1 com o Vozão, dias antes de viver novo momento avassalador na competição continental: a goleada por 5 a 1 sobre os paraguaios no Mané Garrincha.

Antes do jogo de ida da semifinal da Libertadores, o Flamengo teve pela frente no Brasileirão o Grêmio (equipe que tinha eliminado na Copa do Brasil). Os gremistas levaram a melhor por 1 a 0. Dias depois, a equipe de Renato Gaúcho derrotou o Barcelona de Guayaquil por 2 a 0.

No domingo passado (26), o Flamengo saiu na frente mas, nos descontos, o empate em 1 a 1 foi decretado. O técnico Renato Gaúcho minimizou a situação em entrevista coletiva.

"Falo muito com o grupo para não pensarem na próxima partida. Mas, indiretamente, todo mundo pensa nessa partida, e às vezes você não tem a entrega total por causa disso. Mas vou levar para a parte da coincidência, até porque entre grandes atuações e atuações abaixo, o Flamengo está na briga", declarou.

O Flamengo encara o Barcelona de Guayaquil nesta quarta-feira (29). A equipe pode perder por um gol de diferença que obtém a vaga na final. O time também pode perder por dois gols de vantagem, desde que balance a rede adversária.

Flamengo