PUBLICIDADE
Topo

Futebol

No Rei Pelé, Avaí vence o CRB e encosta de vez no G-4

25/09/2021 20h28


Brigando na parte de cima da tabela, CRB e Avaí mediram forças na noite deste sábado, pela 26ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série B, no estádio Rei Pelé, em Maceió. Com todos os gols saindo ainda na etapa inicial, quem abriu a contagem foi o Leão, com Getúlio, porém Gum tratou de igualar tudo, mas Fagner Alemão, quase nos acréscimos, tratou de garantiu mais um triunfo para a equipe catarinense fechando a conta em 2 a 1.

Sendo assim, os visitantes chegaram aos 43 pontos, pulando para a 5ª colocação, enquanto os mandantes, por conta do revés, estacionaram na 4ª posição com 44 pontos, mas que poderá perder sua vaga no G-4 em caso de vitória do Guarani sobre o Coritiba.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

INÍCIO FORTE POR PARTE DO CRB

Fazendo valer o fator casa, a equipe do CRB, logo nos primeiros minutos, tratou de ir para cima do Avaí. Sendo assim, antes dos 10 minutos, além de ficar mais com a posse de bola, criou duas boas chances com Jajá e Caetano, dando trabalho ao goleiro Glédson.

Até meados dos 20, o panorama do confronto era basicamente igual. Entretanto, assim com foi no início, o Galo acabou não convertendo em gol

AVAÍ SURPREENDE E TIRA O ZERO DO PLACAR

Mesmo sofrendo com as investidas por parte dos donos da casa, a equipe visitante tentou manter a calma. Sendo assim, aos 23, por pouco não encontrou seu gol com Vinícius Leite, graças a linda defesa de Diogo Silva que foi buscar a bola no ângulo praticamente.

E a chance animou o Leão. No lance seguinte, aos 24, depois de desarmar o adversário, Getúlio avançou pelo meio e, ao chutar rasteiro, viu a bola balançar as redes fazendo 1 a 0.

GALO REAGE, MAS NÃO EVITA OUTRO GOL DO RIVAL

Mesmo em desvantagem no marcador, o time de Allan Aal não desanimou e, momentos depois, aos 29, também encontrou seu gol. Após cobrança de escanteio de Diego Torres, Gum subiu bonito testando a bola que morreu no fundo do gol igualando tudo no Rei Pelé.

E o empate esquentou as coisas em campo. Entretanto, mesmo percebendo que o Galo não estava disposto a levar o resultado parcial para os vestiários, aos 43 minutos, Fagner Alemão, aproveitando rebote do goleiro Diogo Silva no chute de Edilson, mandou de cabeça para colocar o Leão novamente em vantagem fazendo 2 a 1.

CRB PRESSIONA ATRÁS DO GOL EMPATE

Não muito diferente de como foi na etapa inicial, o Galo ditou o ritmo nos primeiros movimentos. Além da maior posse de bola, ainda chegou em duas oportunidades ambas com Diego Torres, sendo que em uma delas, o camisa 10 acabou acertando a trave do goleiro Glédson, quase igualando tudo novamente.

Com o tempo passando, o panorama do jogo basicamente mantinha-se igual. Sendo assim, ambos os técnicos promoveram algumas trocas, porém com pretensões diferentes até meados dos 35 minutos.

GALO VAI PARA O TUDO OU NADA

Feitas as substituições, Allan Aal ainda mantinha as esperanças em tentar conquistar um empate, mesmo que fosse nos acréscimos. Porém, tentando ganhar tempo, Claudinei não quis saber de ser sufocado pelo rival, e recuando novamente para seus suplentes, viu o relógio correr até o apito final do árbitro decretando mais uma vitória do seu time na competição, resultado esse que o fez encostar de vez nos líderes.

FICHA TÉCNICA
CRB 1x2 AVAÍ

Data e horário: 25/09/2021, às 18h30 (de Brasília)
?Local: Estádio Rei Pelé, em Maceió (AL)
Árbitro: André Luiz de Freitas Castro (CBF-GO)
Assistentes: Hugo Savio Xavier Correa (CBF-GO) e Paulo César Ferreira de Almeida (CBF-GO)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (CBF-RJ)

Cartões Amarelos: Marthã, 22'/2ºT

Gols: Getúlio, 24'/1ºT (1-0); Gum, 29'/1ºT (1-1); Fagner Alemão, 43'/1ºT (2-1)


CRB: Diogo Silva; Reginaldo, Gum, Caetano e Guilherme Romão; Marthã (Claudinei, aos 29'/2ºT), Wesley (Renan Bressan, aos 29'/2ºT) e Diego Torres; Alisson Farias (Emerson, aos 19'/2ºT), Pablo Dyego (Calyson, aos 19'/2ºT) e Jajá (Nicolas Careca, no intervalo).
(Técnico: Allan Aal)

AVAÍ: Glédson; Edilson, Betão, Fagner Alemão e Diego Renan; Bruno Silva, Marcos Serrato (Wesley Soares, aos 26'/2ºT) e Lourenço (Valdívia, aos 39'/2ºT); Vinícius Leite (Romulo, no intervalo), Getúlio (Jonathan, aos 19'/2ºT) e Copete (Renato, aos 39'/2ºT).
(Técnico: Claudinei Oliveira)

Futebol