PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Estados Unidos eliminam Holanda nos pênaltis e enfrentam Canadá na semifinal da Olimpíada

30/07/2021 10h52


Os Estados Unidos eliminaram a Holanda, atual vice-campeã do mundo, nos pênaltis nos Jogos Olímpicos de Tóquio. Após o empate por 2 a 2 em 120 minutos, Naeher brilha com duas cobranças defendidas e garante ida das norte-americanas às semifinais para encarar o Canadá, que mais cedo eliminou o Brasil.

ATAQUE E RESPOSTA
?Após começar melhor e ter um gol anulado, os Estados Unidos quase inauguraram o marcador com Horan, que recebeu cruzamento de Williams, subiu mas que a defesa e parou em ótima defesa de Veenendaal. Aos 17 minutos, a Holanda respondeu com Miedema ganhan da zaga norte-americana e finalizando para abrir o placar.

> Veja a tabela do futebol feminino na Olimpíada

GOLPE DUPLO
?Aos 28 minutos, os Estados Unidos chegaram outra vez em mais uma boa ação de Williams, que limpou a marcação e encontrou Mewis, que cabeceou para o fundo das redes e empatou a partida. Dois minutos depos, foi a vez da camisa 21 atuar como artilheira ou invés de garçonete, aproveitar um corte ruim da zaga holandesa tentando afastar a bola de sua área e ampliar o marcador.

ARTILHEIRA NATA
No final da primeira etapa, a Holanda teve outra boa chance em cabeçada de Van der Gragt para defesa de Naeher. No início do segundo tempo, Miedema, autor do primeiro tento, conseguiu realizar outra boa jogada, se livrou da marcação, encontrou espaço, finalizou e contribuiu com falha da goleira norte-americana para marcar seu segundo gol.

FICOU NO QUASE
No final da segunda etapa, a Holanda teve um pênalti a seu favor que poderia ter dado a classificação para o time europeu. Martens desperdiçou a cobrança defendida por Naeher e a partida foi para a prorrogação. Nos últimos 30 minutos, as holandesas mostraram mais ímpeto de jogo e se aproximaram da classificação, mas não conseguiram chegar ao terceiro gol.

BRILHOU NOS PÊNALTIS
O nome da disputa das cobranças de pênaltis foi Naeher, goleira dos Estados Unidos. Miadema, artilheira da partida, iniciou a disputa, mas parou na arqueira. A equipe tetracampeã olimpíca não desperdiçou nenhuma cobrança, enquanto a número um também pegou a batida de Nouwen.

Futebol