PUBLICIDADE
Topo

Futebol

EUA se recuperam nas Olimpíadas e goleiam Nova Zelândia

24/07/2021 10h22


Os Estados Unidos se recuperaram da derrota na estreia do futebol feminino nas Olimpíadas de Tóquio. Megan Rapinoe e companhia venceram a Nova Zelândia, em Saitama, por 6 a 1 e pontuaram pela primeira vez na competição. Os gols estadunidenses foram marcados pelas meias Lavelle, Horan e Press, pela atacante Morgan e pelas defensoras Erceg e Bott (contra) enquanto a meia-atacante Hassett descontou para as neozelandesas.

O triunfo na segunda rodada da fase de grupos levou as estadunidenses aos três pontos - mesma pontuação da Austrália - e praticamente assegurou sua vaga no mata-mata das Olimpíadas.

A derrota para os Estados Unidos deixou a Nova Zelândia na lanterna do grupo G e praticamente tirou as chances de classificação da seleção da Oceania para a próxima fase, uma vez que vai precisar vencer a Suécia por uma boa vantagem se quiser sonhar com o mata-mata da competição no Japão.

A primeira etapa foi de domínio dos Estados Unidos, que só não construíram uma goleada nos 45 minutos iniciais pela boa atuação da arbitragem, que anulou quatro gols das estadunidenses neste curto espaço de tempo.

Apesar dos gols anulados, os Estados Unidos não demoraram a balançar as redes pela primeira vez nas Olimpíadas. Aos oito minutos do primeiro tempo, Heath encontrou Lavelle sozinha, que invadiu a área e só teve o trabalho de tirar da goleira Leat e sair para abraçar as companheiras.

Os Estados Unidos chegaram ao seu segundo gol aos 44 minutos. Após cobrança de escanteio de Rapinoe na segunda trave, Ertz desviou para o meio da área e encontrou Horan, que cabeceou para o fundo das redes da Nova Zelândia.

Priorizando a defesa, a equipe neozelandesa também foi ao ataque e levou muito perigo com a atacante Wilkinson em duas cabeçadas que passaram tirando tinta da trave da goleira Naeher.

Dono do jogo, os Estados Unidos chegaram ao terceiro gol aos 17 minutos da etapa complementar. Após cruzamento pela direita, Lloyd desviou para dentro da área e Erceg cabeceou contra o próprio patrimônio e encobriu a goleira na tentativa de tirar a bola da área.

A Nova Zelândia chegou ao seu gol de honra aos 23 minutos. Após erro da defesa norte-americana, Satchell invadiu a área e encontrou Hassett livre, que dominou e chutou para descontar o placar.

Os Estados Unidos chegaram a goleada aos 35 minutos. Após ótimo cruzamento de Ertz, Press dominou com estilo e chutou entre duas zagueiras no canto esquerdo da goleira Leat.

O chocolate seguiu e as americanas chegaram ao quinto gol aos 42 minutos. Após cruzamento pela esquerda, Alex Morgan dominou e chutou cruzado rasteiro para ampliar o placar.

Nos acréscimos os Estados Unidos chegaram ao sexto gol. Aos 47 minutos, Bott tenta cortar o cruzamento de Press e jogou para dentro da própria meta para dar números finais ao jogo em Saitama.

Próximos jogos:

Passado o confronto da manhã deste sábado, Estados Unidos e Nova Zelândia têm apenas mais um jogo na fase de grupos das Olimpíadas, ambas ainda com chances de classificação para o mata-mata.

As americanas vão enfrentar a Austrália e as neozelandesas jogam contra a já Suécia. Os dois jogos estão marcados para a próxima terça-feira, às 5h (de Brasília).

Ficha técnica Nova Zelândia x Estados Unidos:

Local: Estádio de Saitama, Saitama (JAP)
Data-Horário: 24/07/2021 - 8h30 (de Brasília)
Árbitra: Stephanie Frappart (FRA)
Auxiliares: Manuela Nicolosi (FRA) e Michelle O'Neill (IRL)
VAR: Marco Guida (ITA)
Gols: Lavelle (8'/1ºT), Horan (44'/1ºT), Erceg - CONTRA - (17'/2ºT), Hassett (23'/2ºT), Press (35'/2ºT), Morgan (42'/2ºT), Bott - CONTRA - (47'/2ºT)

Nova Zelândia: Leat; Bott, Moore, Erceg e Cleverley (Rennie, aos 34/2ºT); Bowen, Riley, Percival e Hassett (Longo, aos 41/2ºT); Wilkinson e Chance (Satchell, aos 19/2ºT). Técnico: Thomas Sermanni.

Estados Unidos: Naeher; Sonnett, Dahlkemper, Davidson e Dunn (Krueger, aos 38/2ºT); Ertz, Horan (Macario, aos 38/2ºT) e Lavelle (Mewis, aos 21/2ºT); Rapinoe (Press, aos 21/2ºT), Heath e Lloyd (Morgan, aos 23/2ºT). Técnico: Vlatko Andonovski.

Futebol