PUBLICIDADE
Topo

Libertadores - 2021

Detida em delegacia, delegação do Boca perde voo de volta para a Argentina

Até um bebedouro foi arremessado durante a confusão no Mineirão - Reprodução
Até um bebedouro foi arremessado durante a confusão no Mineirão Imagem: Reprodução

21/07/2021 04h03

Classificação e Jogos

A confusão provocada pela delegação do Boca Juniors após a eliminação da Libertadores para o Atlético-MG, na noite de ontem (20), teve de ser contida à força. Os argentinos foram detidos pela Polícia Militar de Minas Gerais e levados à delegacia.

Os policiais analisaram imagens do circuito interno de vigilância do Mineirão para identificar os envolvidos, que foram levados para a Central de Flagrantes (Ceflan 4), no bairro Alípio de Melo, região Noroeste de Belo Horizonte.

Por conta da detenção, a delegação argentina não pegou o voo de volta para Buenos Aires em Confins, que estava marcado para meia noite. Os responsáveis do clube tiveram de remarcar a viagem da equipe.

Incidentes começaram logo após o fim do jogo

Imagens que circularam em redes sociais mostraram membros do elenco do Boca Juniors em situações agressivas, tentando invadir o vestiário do Atlético e usando até um extintor de incêndio como arma para o confronto. O incidente também teve atos de vandalismo, como a quebra de TV's, grades e bebedouros.