PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Streamers de 'Free Fire' são punidos por atos de preconceito em live

21/06/2021 18h13


Os streamers de "Free Fire" Pedro "Buxexa" e Wellington "El Racha" foram punidos pelo Fluxo e pela Garena após falas transfóbicas durante uma live neste sábado. Os jogadores do videogame fizeram comentários sobre a influenciadora Marcella Pantaleão, que denunciou os ataques em suas redes sociais.

?> Confira a classificação atualizada do Brasileirão 2021 e simule as rodadas!

+ Conheça o novo app do LANCE! e fique por dentro dos resultados e notícias!

A Garena, desenvolvedora do jogo, suspendeu as contas de ambos streamers e afirmou ser contra as falas dos influenciadores. Buxexa e Racha também foram removidos do "programa de influenciadores" da desenvolvedora e não fazem mais parte da plataforma de streaming BOOYAH!.

- A Garena não tolera atos de racismo, preconceito, assédio e manifestações de ódio, e espera que streamers, espectadores e jogadores mantenham um bom comportamento dentro e fora dos jogos e transmissões. A empresa é veementemente contra qualquer tipo de má conduta e se solidariza com qualquer pessoa ofendida com o ocorrido - afirmou a desenvolvedora.

- A empresa não apenas se reserva o direito de tomar medidas disciplinares apropriadas, inclusive banimentos, suspensão, ou encerramento e exclusão das contas, como comunica que Rachaxp e Buxexa, envolvidos na recente polêmica, não fazem mais parte do quadro de streamers da plataforma BOOYAH! e do programa de influenciadores da Garena - acrescentou a Garena.

Veja abaixo o comunicado completo.

Os streamers estavam participando de uma live de "Free Fire" neste sábado quando Buxexa lembrou uma postagem da influenciadora Marcella Pantaleão em que Nobru comentou.

- O Nobru comentou numa foto de uma ruiva... botando coraçãozinho no olho. Era uma ruiva de três pernas. Ave Maria - disse Buxexa.

- A minha mulher me mostrou que o Nobru comentou nessa foto aqui e disse "isso aqui é um homem" - acrescentou Racha.

Em suas redes sociais, a influenciadora agradeceu o apoio de seus seguidores após os ataques e afirmou que está sendo ameaçada mas irá tomar as medidas cabíveis.

- Queria falar para vocês que não está sendo fácil. De ontem para hoje recebi mais de 100 mil mensagens no Direct, é muita coisa, muito apoio mas também muito ataque e muito "hate" desse pessoal que é zero noção. Tô recebendo muitas ameaças e quem está cuidando de tudo isso é meu advogado, ele já tá por dentro de tudo - contou a Marcella Pantaleão.

Futebol