PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em jogo ruim, Bahia e Corinthians apenas empatam pelo Brasileirão

20/06/2021 17h55


Em um jogo de baixíssimo nível técnico, Bahia e Corinthians empataram em 0 a 0, neste domingo, em Salvador, pela quinta rodada do Campeonato Brasileiro de 2021. Ambos os times somam apenas um ponto na tabela e correm risco de perder posições na classificação até o término desta rodada da competição.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Primeiro tempo sonolento sem gols e sem futebol

O Timão começou a partida tentando se impor no campo de ataque, apesar da escalação com quatro volantes de ofício. E foi com um deles que a equipe teve a primeira chance da primeira etapa. Aos nove minutos, Ramiro apareceu pela direita e cruzou para trás para Gabriel chutar e o goleiro Matheus Teixeira defender facilmente. Enquanto isso o Tricolor baiano pouco fazia na partida.

Mesmo com toda a dificuldade na criação, o Corinthians ainda chegou ao seu segundo lance de perigo, com Mateus Vital, que saiu da ponta esquerda, trouxe para o meio e arriscou o chute, que desviou na zaga e bateu na rede pelo lado de fora. Poucos minutos depois, o Bahia tentou responder duas vezes com Juninho, que cabeceou cruzamento para fora da meta de Cássio.

Dali em diante, o que já era ruim, ficou pior. O time da casa ainda conseguiu ficar mais tempo com a bola no ataque, mas protagonizou lances bizarros na tentativa de concluir as jogadas, ao mesmo tempo em que o Alvinegro não conseguia mais criar, apesar de ter maior posse de bola (57% x 43%). Um primeiro tempo digno dos piores momentos do Campeonato Brasileiro 2021.

Segundo tempo melhora, mas não o suficiente para os gols saírem

No início da segunda etapa, as equipes pareciam ter voltado com mais apetite e Fagner arriscou um chute de longe, que Matheus Teixeira defendeu. O goleiro do Bahia ainda pegou um bom cabeceio de Ramiro, em cruzamento de Fagner. O Tricolor, que parecia num ritmo abaixo após os primeiros minutos, tentou um bom lance pelo lado direito, mas Cássio fez corte providencial na área.

Em cobrança de falta, Rossi colocou a bola na cabeça de Gilberto, que cabeceou passando muito perto da trave. Instantes depois, o Corinthians armou uma tabela entre Ramiro e Fagner, que cruzou rasteiro e por pouco Jô não completa para o gol vazio. Bahia foi salvo por Renan Guedes. Aos 30 minutos foi a vez dos mandantes, mas Gilberto não aproveitou cruzamento de Thonny Anderson.
?
?Na reta final da partida, o ritmo passou a cair ainda mais, com imprecisão nos passes e poucas finalizações. Os técnicos também fizeram muitas substituições, mas não conseguiram o efeito desejado. Aos 44 minutos, porém, Thonny Anderson arriscou uma finalização e obrigou Cássio a fazer uma grande defesa, evitando o que seria o gol da vitória e mantendo o 0 a 0 no placar.

E agora?

Com o empate, Bahia e Corinthians ficam mais estagnados na tabela e correm o risco de perder posições ao longo da rodada. O Timão volta a campo na próxima quinta-feira, às 19h, contra o Sport, na Neo Química Arena. Já o Tricolor baiano, também na quinta, recebe o Ahletico-PR, às 21h30.

FICHA TÉCNICA

BAHIA 0 X 0 CORINTHIANS
Local:
Estádio de Pituaçu, Salvador (BA)
Data-Hora: 20/6/2021 - 16h
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (Fifa/RJ)
Assistentes: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (Fifa/RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Público/renda: Portões Fechados
Cartões amarelos: Matheus Bahia (BAH) Ramiro, Gabriel e Roni (COR)
Cartões vermelhos: -
Gols: -

BAHIA: Matheus Teixeira; Renan Guedes, Germán Conti, Juninho e Matheus Bahia; Patrick de Lucca (Jonas, aos 37'/2ºT), Danielzinho e Thaciano (Thonny Anderson, aos 23'/2ºT); Rossi (Maycon Douglas, aos 37'/2ºT), Rodriguinho e Gilberto (Oscar Ruíz, aos 43'/2ºT). Técnico: Dado Cavalcanti.

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Cantillo, Gabriel, Roni (Vitinho, aos 15'/2ºT) e Ramiro (Adson, aos 35'/2ºT); Mateus Vital (Araos, aos 43'/2ºT) e Jô (Cauê, aos 35'/2ºT). Técnico: Sylvinho.

Futebol