PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em nova noite de falhas individuais, Cruzeiro é derrotado pelo Operário-PR e volta ao Z4 da Série B

19/06/2021 20h58


A derrota do Cruzeiro para o Operário-PR por 2 a 1, gols de Paulo Sérgio e Djalma Silva para o time paranaense, com Felipe Augusto descontando para a Raposa, aconteceu por nova série de erros do time mineiro, que vem acumulando falhas tolas nos seus jogos e ficando longe de engrenar na Série B.

O duelo deste sábado, 19 de junho, no Germano Kruger, em Ponta Grossa, pela quinta rodada da competição, teve equilíbrio na maior parte do confronto, mas decidido por falhas individuais da Raposa.

Com o resultado, o Operário-PR assume de forma provisória a vice-liderança do campeonato, com 10 pontos, enquanto o Cruzeiro volta à zona do rebaixamento, ficando com quatro tentos, ocupando agora a 17ª posição, que pode ser mudada se o Avaí perder na rodada.

Equilíbrio em campo até que uma besteira muda a partida
?

Operário e Cruzeiro vinham disputando um duelo sem muitas emoções na noite chuvosa de Ponta Grossa. Eram disputas truncadas no meio de campo. Tudo começou a mudar quando o zagueiro Weverton, de forma imprudente e tola, deu carrinho em Leandro Vilela, gerando sua expulsão direta. O jovem zagueiro entrou no lugar de Eduardo Brock, que sentiu uma lesão muscular, ficando de fora. E, não teve uma decisão inteligente no lance que deixou a Raposa com um a menos.

Um a menos em campo, falta para o Fantasma e... Golaço de bicicleta
A bobagem cometida por Weverton gerou uma falta perto da área celeste. A zaga não conseguiu afastar e Paulo Sérgio, que chegou esta semana ao time do Paraná, emendou uma bela bicicleta no ângulo de Fábio. Castigo merecido para o Cruzeiro.

Futebol