PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bryan ressalta potencial do elenco em sequência de vitórias do Náutico

16/06/2021 09h24


O momento do Náutico na temporada é sensacional. Campeão estadual com apenas uma derrota, o Timbu iniciou a Série B de forma avassaladora com quatro vitórias em quatro jogos.

>Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Titular absoluto da equipe e um dos pontos fortes do time de Hélio dos Anjos, o lateral-esquerdo Bryan vem sendo peça importante no esquema e diz que o desempenho não surpreende o grupo de jogadores e comissão técnica:

- Nós sabíamos da força da nossa equipe. Sem dúvidas, fizemos um estadual perfeito praticamente. Ganhamos praticamente todos os jogos, perdemos apenas um e fomos coroados com o título. Nós já esperávamos um início bom na Série B, estamos muito focados em prol do nosso objetivo.

Autor do segundo gol na vitória da última segunda-feira (15) contra o Vila Nova nos Aflitos, Bryan ainda dá os créditos para um nome importante nesta recuperação do Náutico. Se no ano passado a briga na Série B foi contra o rebaixamento, este início na competição mostra que a luta em 2021 vai ser na parte de cima da tabela. E, para o jogador, o técnico Hélio dos Anjos é o grande responsável pelo bom momento do Timbu:

- O Hélio foi fundamental na retomada que demos na Série B no ano passado. Ele é um cara fantástico, que sabe trabalhar, tem o grupo na mão. Esse momento bom que estamos vivendo tem muito do dedo dele. Somos muito gratos, o elenco todo, com o trabalho que vem sendo executado. Nós só temos a ganhar. Todo mundo unido, trabalhando com o mesmo objetivo, vamos levar o Náutico para onde ele nunca deveria ter saído, que é a Série A.

Com três gols em 16 jogos em 2021, Bryan reconhece que esta é a Série B mais difícil da história. Mesmo assim, acredita que pela qualidade do elenco e o bom ambiente, o Náutico tem condições de buscar o grande objetivo que é o acesso para a elite do futebol brasileiro.

- Nosso maior desafio na Série B é conseguir o acesso. Estamos focados e sabemos que vai ser muito difícil. Acho que esse ano é a Série B mais difícil da história. Muito pé no chão, humildade, pensando um jogo de cada vez, acredito que vamos colher o principal fruto que é o acesso - encerrou.

Futebol