PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões - 2020/2021

Kai Havertz já perdeu jogo da Champions por prova de geografia

Kai Havertz comemora após marcar gol do Chelsea na final da Champions - Jose Coelho - Pool/Getty Images
Kai Havertz comemora após marcar gol do Chelsea na final da Champions Imagem: Jose Coelho - Pool/Getty Images

29/05/2021 17h58

Classificação e Jogos

Contratado por 71 milhões de libras (cerca de R$ 500 milhões) pelo Chelsea na última janela de transferências, o meia-atacante alemão Kai Havertz, de apenas 21 anos de idade, foi o homem que marcou o gol do título do bicampeonato europeu dos Blues, hoje (29), na vitória por 1 a 0 sobre o Manchester City, no Estádio do Dragão.

No entanto, a história de Havertz na Champions League vai além do gol do título marcado neste sábado. Em 2017, quando ainda defendia o Bayer Leverkusen (ALE), o meia-atacante não entrou em campo contra o Atlético de Madrid no jogo de volta das oitavas de final da competição. Com 17 anos de idade, Havertz ficou de fora dos relacionados para o jogo decisivo para realizar uma prova de geografia, na época, pelo ensino médio.

Na época, o site Lance! conversou com a assessoria do Bayer Leverkusen e teve uma reposta curiosa de Havertz: "Fiz um pré-exame de quatro horas, de geografia, na terça-feira. Minha sensação é muito boa (sobre o resultado da prova), tudo deve sair bem".

O fato é que Havertz, mesmo após perder um jogo decisivo da Champions em 2017 para fazer uma prova, realizou o sonho de qualquer jogador de futebol em 2021, ao marcar o gol que deu o título para o Chelsea.