PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ana Paula Henkel tem direito de resposta negado por justiça

18/05/2021 13h58


A ex-jogadora de vôlei Ana Paula Henkel teve o seu primeiro pedido de Direito de Resposta contra o grupo Globo negado pela Justiça de São Paulo. A 14ª Vara Cível de São Paulo também negou o pagamento de uma indenização por danos morais no valor de R$ 10 mil, que acompanhava o pedido de resposta. Henkel processa a Globo por críticas feitas pelo ex-atleta Walter Casagrande em seu blog.

> Confira as classificações atualizadas dos campeonatos estaduais e simule os resultados do seu time!

O pedido foi negado pelo juiz Cristopher Alexander Roisin pela argumentação da Globo, que afirmou já ter dado o Direito de Resposta à ex-jogadora quando publicou um texto a pedido de Ana Paula no portal "GloboEsporte".

- Considerando que houve a publicação aparentemente em local do sítio eletrônico de maior visibilidade (notícias e não blogs), é caso de indeferir-se o pedido de urgência, relegando o tema para o sentenciamento do processo, na medida da necessidade de contraditório sobre a efetiva publicação da resposta e sua suficiência - explicou o juiz Roisin.

A ex-jogadora de vôlei processou as emissoras Globo e Bandeirantes por críticas dos ex-jogadores Walter Casagrande e Neto, que a criticaram em seus blogs e programas e que Ana Paula Henkel considerou ofensivas.

Futebol