PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Com 'reforços caseiros', Flamengo reencontra rival em busca de ampliar supremacia no Rio de Janeiro

15/05/2021 08h00


Força quase máxima, ciente da 'responsabilidade' e em busca de um maior equilíbrio na equipe. Assim o Flamengo chega para a disputa da final do Campeonato Carioca 2021, que pode garantir o 37º título estadual na história do clube e aumentar a supremacia rubro-negra no Rio de Janeiro.

Os primeiros 90 minutos do confronto com o Fluminense serão disputados neste sábado, a partir das 21h05 (de Brasília), no Maracanã e com transmissão em tempo real do LANCE!.

+ Fluminense x Flamengo: prováveis times, onde ver, desfalques e palpites

Para a primeira partida da decisão, Rogério Ceni contará com dois reforços caseiros. Rodrigo Caio e Gerson estão recuperados das lesões musculares que os tiraram dos gramados nas últimas semanas e estão à disposição do treinador. A tendência, inclusive, é que a dupla seja titular na partida deste sábado contra o Fluminense.

Da equipe considerada ideal por Ceni, apenas um não foi relacionado para o duelo: Diego Alves. O goleiro ainda se recupera da fibrose na coxa e está sendo preparado para retornar ao time no duelo contra a LDU, na próxima quarta-feira, ou na segunda partida da final, no próximo sábado. Assim, Gabriel Batista deve ser mantido como titular e será colocado à prova pelo terceiro jogo consecutivo.

E será justamente na defesa onde os olhos estarão voltados na equipe do Flamengo. Com um estilo de jogo propositivo e com aposta na qualidade do setor ofensivo, o Rubro-Negro vem sofrendo críticas pelo desequilíbrio entre os setores do time. A campanha na Libertadores revela um indício dessa disparidade: o Fla é, ao mesmo tempo, o melhor ataque e a pior defesa entre os líderes de grupo do torneio.

+ Prefeitura alega 'falta de detalhes no protocolo' e veta pedido do Flamengo por público na final do Carioca

O Fla-Flu será, portanto, mais uma oportunidade para Rogério Ceni provar a evolução no sistema defensivo, elevar o nível de confiança dos atletas e tranquilizar os ânimos da torcida.

Fla conquistou o Carioca em 2020 sobre o Flu (Foto: Marcelo Cortes/CRF)

DE OLHO NA HEGEMONIA

Atual bicampeão carioca, o Flamengo busca ampliar ainda mais a supremacia no Rio de Janeiro. No total, o clube já conquistou 36 vezes o Estadual e pode disparar ainda mais no ranking dos maiores campeões. O segundo colocado é justamente o Fluminense, com 31 títulos. Em seguida, aparecem Vasco, com 24 e Botafogo, com 21.

O título neste ano pode ser ainda mais especial para o Flamengo. Caso conquiste, o clube chegará ao sexto tricampeonato e verá a geração atual marcar ainda mais o nome na história. Em entrevista coletiva nesta sexta-feira, o capitão Diego comentou sobre essa possibilidade e a garantiu foco máximo no duelo contra o Fluminense.

- Temos que aproveitar as oportunidades. Se vencermos, o que nos motiva é vencer o próximo jogo, próximo torneio. Chegará um momento em que vai se colocar na balança, mas não é esse. Continuamos respeitando nossos adversários. Nada que eu disser aqui vai diminuir a responsabilidade que nós temos, sabemos e assumimos. Nosso grande foco é viver o momento de forma bem intensa, 100% presente. É com essa mentalidade que vamos para o jogo de amanhã.

+ Confira a tabela completa da Libertadores 2021

Flamengo e Fluminense vão definir o campeão do Carioca em jogos de ida e volta neste e no próximo sábado, dias 15 e 22 de maio. Ambos os confrontos serão às 21h05, no Maracanã. Se houver empate na soma dos placares, haverá decisão por pênaltis.

Futebol