PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Diniz pede manutenção do elenco e fala em reforços pontuais no Santos

13/05/2021 16h15


Fernando Diniz voltou a valorizar o elenco do Santos e falar sobre reforços pontuais na entrevista coletiva desta quinta-feira. O comandante santista deu o exemplo do zagueiro Kaiky, de 17 anos, oriundo da base e acredita em poucos reforços para o trabalho, mas que vistam a camisa do Santos sem peso.

- Prefiro trazer poucos e bons do que uma quantidade maior de quem não possa ajudar tanto. Temos que ser criativos e coerentes para acertar nessas contratações. Que chegue e vista a camisa para não pesar. Buscaremos esse tipo de jogador. Difícil falar em melhor que a molecada. Como achar um zagueiro que joga melhor que o Kaiky hoje? Podem vir e buscar posição, mas jovens vão marcando território - afirmou Fernando Diniz.

O técnico ainda falou em perder quase ninguém e priorizar todos os jogadores já no clube. Na coletiva Fernando Diniz lembrou que em seus últimos trabalhos não pediu diversas contratações e que prefere trabalhar desta forma.

- Perdemos jogadores importantes como Veríssimo, Pituca e Soteldo, além de Sandry, Sánchez e Jobson. Conversa com o presidente é de não perder ninguém ou quase ninguém e reforçar pontualmente. Gosto de ver primeiro do que contratar. Não sou de contratar muito - reforçou o treinador.

Titulares e peças chaves na equipe titular do Santos, os atacantes Lucas Braga e Kaio Jorge, os meias Gabriel Pirani e Carlos Sánchez e o volante Sandry seguem com suas renovações travadas.

Futebol