PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Santos disputa sua 16ª Copa Libertadores. Veja como foram as estreias

20/04/2021 14h25


O Santos recebe o Barcelona de Guayaquil, às 19h15min, na Vila Belmiro na estreia da fase de grupos da Copa Libertadores. Nas quinze estreias santistas até hoje, foram seis vitórias, quatro empates e cinco derrotas. É a décima sexta participação do Peixe na competição em que já conquistou três vezes o título. O Alvinegro é o clube brasileiro que mais teve participações em quartas de final neste séculos com nove atuações.

O campeonato teve início em 1960, mas a primeira participação santista aconteceu em 62 depois de conquistar o título Brasileiro de 1961. Na primeira participação, o Santos estreou com pé direito ganhando por 4 a 3 do Deportivo Municipal, da Bolívia, fora de casa. Naquele ano, o clube foi campeão sobre o Penãrol (URU). Campeão da última edição, o Peixe teve o direito de entrar na semifinal da Libertadores de 63. Empatou em 1 a 1 contra o Botafogo, no Pacaembú e se tornou campeão mais uma vez diante o Boca Juniors (ARG).

Depois de ser campeão em 63, o Alvinegro entrou no mata-mata da competição. O ano de 1964 marcou a primeira estreia santista com derrota na competição. Santos perdeu por 3 a 2 para o Independiente, no Maracanã e ficou em quarto lugar no campeonato naquele ano. No ano seguinte, o Peixe retornou a fase de grupos e começou com mais uma vitória por 5 a 1 sobre a Universidad do Chile, fora de casa. Peixe deixou a competição de 65 nas semifinais contra o Penãrol (URU).

O Santos só voltaria a jogar Libertadores 19 anos depois e uma campanha para ser esquecida. Em 1984, foi a única vez em que o Peixe caiu ainda na fase de grupos da competição. A estreia foi marcada por uma derrota diante o Flamengo por 4 a 1, no Maracanã. Outros 19 anos depois, o Peixe fez uma campanha histórica de foi vice-campeão da Copa, perdendo a final para o Boca Juniors (ARG). A estreia de 2003 foi sobre o América de Cali, uma goleada por 5 a 1 em cima dos colombianos.

Em 2004, o Santos começou sua trajetória com uma vitória por 3 a 2 sobre o Jorge Wilstermann (BOL) , fora de casa. O Peixe caiu para o Once Caldas (COL) ainda na semifinal naquele ano. A campanha de 2005 foi marcada por uma derrota por 4 a 3 para o Bolívar (BOL) ainda na estreia, o Peixe foi eliminado ainda na semifinal para o Athlético-PR.

O Alvinegro chegou a jogar uma fase classificatória, contra o Blooming, em 2007 antes de entrar na fase de grupos. Naquele ano, por pouco deixou escapar uma vaga para a final da competição e caiu para o Grêmio na semifinal. Na estreia, o Peixe venceu fora de casa para o Deportivo Pasto pelo placar de 1 a 0.

No ano seguinte, em 2008, o Santos iniciou a batalha com um empate sem gols diante o Cúcuta. Peixe acabou caindo ainda nas quartas de final para o América do México. Três anos depois, o Santos voltaria a sua glória após 48 anos do último título da Copa Libertadores. Peixe fez uma estreia com empate sem gols, na Venezuela, mas se consagrou campeão sobre o Peñarol (URU) e conquistou seu Tricampeonato.

Após a conquista da última edição, o Alvinegro perdeu na estreia da campanha de 2012 para o The Strongest, fora de casa. O Peixe deixou a competição nas quartas de final, quando caiu para o Corinthians. Depois de cinco anos, o Santos voltou a disputar Libertadores em 2017. Empatou em 1 a 1 na sua estreia diante o Sporting Cristal e caiu nas quartas de final para o Barcelona de Guayaquil.

O ano de 2018 foi marcado pela escalação irregular do uruguaio Carlos Sánchez, o que cedeu a eliminação do Santos para o Independiente ainda nas oitavas de final da Libertadores. A campanha começou amargurada com uma derrota fora de casa na estreia santista na competição.

Peixe voltou a disputa em 2020, em um ano conturbado onde fez uma grande campanha e foi vice-campeão para o Palmeiras. A estreia do Alvinegro marcou uma vitória de virada por 2 a 1 sobre o Defensa y Justicia, na Argentina. Agora, na campanha de 2021, o Santos quer começar mais uma trajetória rumo ao Tetracampeonato e começa a escrever a história nesta terça-feira (20).

Veja as estreias do Santos da Libertadores (Dados do Acervo Santos):

18/02/1962 - Deportivo Municipal (BOL) 3 x 4 Santos - Fase de Grupos (Gols: Tite, Lima, Mengálvio e Pagão)
22/08/1963 - Santos 1 x 1 Botafogo - Semifinal (Gol: Pelé)
15/07/1964 - Santos 2 x 3 Independiente (ARG) - Semifinal (Gols: Peixinho e Pepe)
13/02/1965 - Universidad do Chile (CHI) 1 x 5 Santos - Fase de Grupos (Gols: Pelé 3x , Mengálvio e Pepe)
11/02/1984 - Flamengo 4 x 1 Santos - Fase de Grupos (Gol: Lino)
05/02/2003 - América de Cali (COL) 1 x 5 Santos - Fase de Grupos (Gols: Léo, Alex, Ricardo Oliveira 2x )
05/02/2004 - Jorge Wilstermann (BOL) 2 x 3 Santos - Fase de Grupos (Basílio 2x e Alex)
16/02/2005 - Bolívar (BOL) 4 x 3 Santos - Fase de Grupos (Gols: Deivid 2x e Robinho)
22/02/2007 - Deportivo Pasto (COL) 0 x 1 Santos - Fase de Grupos (Gol: Maldonado)
14/02/2008 - Cúcuta (COL) 0 x 0 Santos - Fase de Grupos
15/02/2011 - Deportivo Táchira 0 x 0 Santos - Fase de Grupos
15/02/2012 - The Strongest 2 x 1 Santos - Fase de Grupos (Gol: Henrique)
09/03/2017 - Sporting Cristal (PER) 1 x 1 Santos - Fase de Grupos (Gol: Thiago Maia)
01/03/2018 - Real Garcilaso (PER) 2 x 0 Santos - Fase de Grupos
03/03/2020 - Defensa y Justicia (ARG) 1 x 2 Santos - Fase de Grupos (Gols: Jobson e Kaio Jorge)

Futebol