PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Clubes europeus planejam criação de Superliga, mas Uefa ameaça punição

18/04/2021 15h43


De acordo com reportagem publicada pelo jornal estadunidense "The New York Times" neste domingo, 12 clubes europeus planejam a criação de uma Superliga de clubes no Velho Continente. Com times de Espanha, Inglaterra e Itália, o anúncio da organização poderia ocorrer nas próximas horas.

+ Veja a tabela da Champions League


Após a informação, entretanto, a Uefa se manifestou por meio de uma nota oficial e disse ser contra. A entidade ainda afirmou ter o apoio de ligas e federações dos três países citados, além da Fifa, para invalidar a tentativa. Clubes de Alemanha e França ficaram de fora.

De acordo com a Uefa, "os clubes em questão serão proibidos de jogar em qualquer outra competição a nível nacional, europeu ou mundial, e seus jogadores poderão ser impedidos de representar suas seleções nacionais".

+ Goretzka, Haaland, Ansu Fati... Os 30 jogadores que mais se valorizaram na temporada

A suposta criação desta Superliga Europeia vem justamente quando a Uefa pretendia anunciar mudanças na Champions League. Segundo o jornal americano, a competição teria 20 clubes, divididos em dois grupos de dez. Os quatro primeiros de cada chave avançariam, fazendo a fase eliminatória.

Os 12 clubes europeus que pretendem criar a Superliga são: Atlético de Madrid, Barcelona e Real Madrid, na Espanha; Arsenal, Chelsea, Liverpool, Manchester City, Manchester United e Tottenham, na Inglaterra; Inter de Milão, Juventus e Milan, na Itália. Até o momento, as equipes ainda não se pronunciaram.

Futebol