PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Wellington Paulista é peça-chave no Fortaleza em busca por bicampeonato da Copa do Nordeste

16/04/2021 20h05


Gols importantes, títulos conquistados, liderança no vestiário e experiência: Wellington Paulista tem sido um dos principais jogadores do Fortaleza desde que o clube retornou à elite do futebol brasileiro. Na semana passada, o Leão do Pici renovou o contrato do atacante por mais uma temporada e meia. Apesar da sondagem de outras equipes, como Cruzeiro e Botafogo, dos quais também vestiu a camisa, o centroavante, de 37 anos, optou por estender o seu vínculo com o tricolor.

+ Arrascaeta vive imbróglio no Flamengo, Palmeiras aumenta oferta por atacante... O Dia do Mercado

No clube desde 2019, Wellington Paulista já ultrapassou a marca de mais de 100 jogos pelo Fortaleza e balançou as redes 31 vezes. No Campeonato Brasileiro de 2020, o centroavante atingiu o posto de segundo maior artilheiro da história do clube na Série A, com 22 gols marcados. No topo dessa lista está o ex-jogador Rinaldo, que marcou em 27 oportunidades.

Em entrevista ao site oficial do Fortaleza, Wellington Paulista celebrou a extensão do contrato. 'É uma sensação muito boa. Estou feliz pela renovação. É um clube que me recebeu muito bem e, com esse novo contrato, muitos me parabenizaram. Quero sempre estar fazendo gols, continuarei buscando meu espaço e, o mais importante, buscando títulos. Já tenho alguns e quero somar ainda mais'.

Em 2019, o Fortaleza venceu o Botafogo-PB e conquistou o título inédito da Copa do Nordeste. No segundo jogo da decisão, o Leão venceu por 1 a 0, com gol de WP9, assim como na partida de ida, e garantiu o título da competição no novo formato. Além deste troféu erguido, o centroavante também conquistou duas vezes o Campeonato Cearense com o Leão do Pici.

O presidente do Fortaleza, Marcelo Paz, reconhece os feitos atingidos pelo jogador nesses dois anos de serviços prestados ao clube: 'Foi um jogador decisivo e importante. Fez muitos gols que valeram três pontos e contra grandes adversários. É um camisa 9 respeitado em nível nacional e estamos felizes em poder contar com ele'.

Na temporada passada, o centroavante terminou pela segunda vez consecutiva como o principal artilheiro da equipe. Além de acrescentar em nível técnico, exerce um papel importante no vestiário, principalmente aos mais novos e recém-promovidos ao profissional.

Paz reconhece essa importância: 'É fundamental ter esse tipo de jogador no elenco. Pela seriedade e entrega, é um exemplo para os mais jovens. Ele tem uma história no Fortaleza e se porta como um líder positivo dentro do vestiário. É um tipo de jogador que agrega ao clube'.

Nesses últimos anos de êxito do Fortaleza, com títulos importantes e acesso à elite do futebol brasileiro, alguns jogadores deixaram suas marcas, como Gustagol, Osvaldo, David, entre outros. No entanto, a contratação do WP9 foi uma das mais acertadas da gestão de Marcelo Paz. 'Foi um jogador que se identificou. O Fortaleza, sem dúvidas, se tornou um dos clubes mais importantes da carreira do Wellington Paulista', conclui o presidente.

Pela Copa do Nordeste, o Fortaleza enfrenta o CSA, no sábado, às 16h, na Arena Castelão, em jogo que vale vaga nas semifinais da competição.

Futebol