PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Jemerson projeta duelo com o Sport e garante recuperação do Corinthians pós-Dérbi: 'Vai servir de lição'

20/01/2021 13h01

O Corinthians ainda digere os efeitos da goleada no Dérbi, mas já precisa pensar no próximo adversário do Brasileirão-2020, que é o Sport, nesta quinta-feira, às 21h, na Neo Química Arena. Mesmo com o amargor da derrota para o rival, Jemerson garante que o grupo está pronto para os desafios seguintes e que aprendeu com os erros cometidos, mas não ficará preso no passado.

TABELA

> Veja classificação e simulador do Brasileirão clicando aqui

GALERIA

> Veja brasileiros na Europa que podem assinar pré-contrato em 2021

Em entrevista coletiva virtual nesta quarta-feira, o zagueiro contou como o elenco tem trabalhado para superar as consequências da goleada e usar o que aconteceu como lições para o futuro, que já aparece na porta do clube, a fim de não deixar a boa fase anterior ao clássico escapar junto com uma vaga no G6.

- Antes de eu chegar, a gente passou por um momento difícil e revertemos isso. Foi complicado. Não podemos esquecer a fase que tivemos, de vitórias, jogos invictos. No futebol tem muito isso, a gente leva uma pancada hoje e amanhã você pode conseguir se levantar e reverter a situação. A gente já conseguiu. Ninguém está feliz com o resultado, todo mundo achava que seria diferente, e aconteceu. Não podemos ficar pensando no passado. A gente tem que aprender com o passado e não cometer os mesmos erros, seguir em frente, saber que contra o Sport também vai ser difícil. É ir pra cima, com a gente vinha fazendo nos outros jogos, e conseguir a vitória - analisou o defensor.

- Quando você perde um jogo, como a gente perdeu, para o seu grande rival, temos que assimilar isso, saber que na vida nem sempre são flores, tem espinhos e pedras no caminho. A gente projetou onde queremos chegar e as vezes vão ter pedras no caminho, coisa ou outra, mas não podemos deixar abalar a gente. Essa derrota vai servir de lição pra sabemos que, quando estamos vencendo, nem tudo é maravilhoso, e, quando a gente perde, nem tudo é ruim. É fazer o que estávamos fazendo nos outros jogos, porque nem tudo está perdido - completou o ex-jogador do Monaco.

Segundo Jemerson, a tentativa de resolução dos problemas pós-Dérbi não demorou muito a acontecer, e logo após a derrota já foi feito um balanço dos erros que levaram ao 4 a 0 no placar. Para ele, o conjunto de erros coletivos, e a não repetição do que foi feito nos outros jogos foram fatores essenciais para que o houve no Allianz Parque, que servirão de aprendizado daqui para frente.

- Sentamos logo em seguida, quando terminou o jogo. Todo mundo ficou triste, chateado. O que a gente treinou no dia anterior do jogo, a gente não fez no decorrer da partida, então isso acabou. quando você enfrenta um adversário de qualidade, você treina alguma coisa e não faz, acaba acontecendo erros coletivos. Foi o que aconteceu. A gente não imprimiu o ritmo que vínhamos fazendo nos outros jogos, sem deixar as outras equipes jogarem. A gente esperou e deixamos o Palmeiras jogar. Marcamos em cima, sabíamos que eles tinham atacantes rápidos, jogo rápido, e eles aproveitaram os vacilos que a gente teve. Agora é aprender com isso e não errar nos próximo jogos.

Por fim, Jemerson analisou o próximo adversário do Corinthians: o Sport. De acordo com o zagueiro, será um rival parecido com outros enfrentados recentemente e, por isso, será necessário inteligência e paciência, a fim de sair da Neo Química Arena com os três pontos e o alívio da recuperação.

- Jogamos contra algumas equipes assim, contra o Goiás principalmente. Jogo que temos que ter paciência, se não fizermos gol no começou ou no primeiro tempo, saber que temos o segundo tempo para fazer e sair com o resultado positivo. Tranquilidade. Ele vão tentar parar o jogo, não deixar o Corinthians jogar com intensidade. A gente tem que estar preparado para, se tiver que acontecer, mudar o estilo do jogo e, principalmente, sair com a vitória.

O Corinthians encerrou sua preparação para o duelo com o Sport na manhã desta quarta-feira e seguirá no CT Joaquim Grava para se concentrar para a partida que acontece nesta quinta-feira, às 21h, na Neo Química Arena, pela 31ª rodada do Brasileirão-2020. Atualmente, o Timão ocupa a nona posição na tabela com 42 pontos, oito atrás do primeiro clube no G6, que é o Grêmio.

Futebol