PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bruno Henrique comemora 100 jogos pelo Flamengo e diz: 'E que ainda possamos comemorar muita coisa'

30/11/2020 13h22

Acostumado a ser decisivo em jogos de peso, Bruno Henrique atingirá uma marca expressiva pela Flamengo nesta terça-feira, quando entrará em campo com significativos holofotes para si, em jogo válido pela volta das oitavas da Libertadores. O camisa 27 completará 100 jogos pelo Rubro-Negro.

Nos 99 jogos disputados até este momento, Bruno Henrique mantém um patamar (como gosta de dizer) elevado quanto aos números: são 52 gols marcados e 23 assistências, o que garantem a ele 75 participações diretas em gols do Flamengo até aqui - média de 0,75 por partida. Diante dos maiores rivais cariocas, são 13 gols marcados em 19 confrontos, por exemplo.

- É um orgulho enorme para mim chegar a esta marca de 100 jogos com o manto do Flamengo. Fui muito feliz aqui desde o meu primeiro dia, criei uma relação muito forte com o clube e com a torcida e pude marcar meu nome na história desse clube gigante, com títulos e gols importantes. Só posso agradecer por tudo o que venho vivendo aqui e que ainda possamos comemorar muita coisa juntos - disse o atacante de 29 anos, cujo contrato com o Flamengo expira em dezembro de 2023.

O Flamengo é o primeiro time pelo qual Bruno Henrique alcança a marca centenária. Até desembarcar no Ninho do Urubu, já havia passado por Uberlândia, Itumbiara, Goiás, Wolfsburg e Santos.

- O Flamengo é sem dúvidas o clube com o qual criei minha maior identificação. Por tudo o que vivemos aqui, por tudo o que conquistamos e construímos juntos desde a minha chegada em janeiro de 2019. São quase dois anos muito intensos e dos quais muito me orgulho. O Flamengo mudou a minha vida e eu sinto que também contribuí para este momento tão marcante na história do clube - finalizou.

Pelo Flamengo, Bruno Henrique já conquistou seis títulos em menos de dois anos de clube: Carioca (2019 e 2020), Campeonato Brasileiro, Libertadores, Supercopa do Brasil e Recopa Sul-Americana. Agora, mais precisamente a partir das 21h30 desta terça, no Maracanã e contra o Racing (na ida, o placar foi 1 a 1), será peça-chave para que o Fla siga na luta pelo bi da América.

Futebol